Filme do Homem-Aranha mataria GRANDE personagem da Marvel, mas voltou atrás

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

É considerado um dos melhores filmes de super-heróis de todos os tempos, mas Homem-Aranha 2 de 2004 teria originalmente uma morte de personagem principal em seus planos abandonados. O roteirista David Koepp, conhecido por Jurassic Park, Indiana Jones e Missão: Impossível, escreveu o primeiro filme com Tobey Maguire.

No entanto, ele não voltou para as sequências de Sam Raimi, apesar de ter planejado ideias para uma trilogia por conta própria.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

E agora, em uma nova entrevista, Koepp revelou que estava planejando matar a namorada de Peter Parker, Gwen Stacy, em Homem-Aranha 2.

Planos originais

Conversando com Collider, o roteirista disse: “Basicamente minha ideia de trilogia era contar a história de Gwen Stacy e Harry Osborn, mas eu resolvi tudo de maneira diferente.”

“Eu queria que Gwen fosse morta no meio do segundo filme, porque isso segue o modelo de Star Wars: O Império Contra-Ataca, e eu tinha vários vilões que queria usar.”

“Simplesmente uma maneira diferente de contar essa história.”

É claro que o principal interesse amoroso de Peter na trilogia do Homem-Aranha de Raimi acabou sendo Mary Jane Watson, de Kirsten Dunst.

No entanto, Gwen Stacy, que foi assassinada pelo Duende Verde nos quadrinhos da Marvel, não apareceu até Homem-Aranha 3 no fim das contas.

Foi Bryce Dallas Howard quem interpretou a estudante loira no terceiro longa, que acabou sendo o último trabalho de Maguire como Homem-Aranha.

Atualmente, intérprete de Homem-Aranha é Tom Holland. O ator voltará para um terceiro filme, que deve estrear em 2021.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio