Manifestantes foram às ruas nos Estados Unidos para protestar contra o racismo. O movimento começou depois da morte de George Floyd.

Além de vários protestos nas redes sociais, os manifestantes também quiseram mostrar a sua voz nas ruas. Em um desses protestos, porém, um herói dos Vingadores da Marvel virou destaque pelo motivo errado.

O nome do Gavião Arqueiro se tornou uma tendência no Twitter. Logo, os fãs perceberam que não se tratava de novidades da Marvel.


O que acontece é que durante os protestos do movimento Black Lives Matter (Vidas Negras Importam, em tradução) em Salt Lake, uma rua foi fechada por manifestantes. Um homem, então, saiu de um carro para reclamar.

Quando todos perceberam, esse homem estava com um arco e flecha nas mãos. Com a ameaça contra os manifestantes, o nome do Gavião Arqueiro começou a ser mencionado, já que essa é a arma do herói dos Vingadores.

Confira publicações sobre o ocorrido abaixo.

Gavião Arqueiro volta na Marvel

Apesar de virar destaque pelo motivo errado, o Gavião Arqueiro volta na Marvel. O herói dos Vingadores terá série própria.

A produção tem o título com o nome do personagem. Porém, o destaque não será apenas o Gavião Arqueiro.

Na série da Marvel, Clint Barton terá que treinar Kate Bishop. Nos quadrinhos, a heroína é a sucessora do Gavião Arqueiro.

Jeremy Renner está de volta ao papel para a série dos Vingadores. A produção não tem mais detalhes confirmados.

A série do Gavião Arqueiro deve chegar em 2021 no Disney+.