As cenas pós-créditos são uma marca registrada das produções do Marvel Studios desde Homem de Ferro, de 2008.

Foram muitos os longas com cenas reveladoras até o momento. Alguns contam até com mais de uma, como é o caso de Guardiões da Galáxia Vol. 2 (que trouxe várias).

No entanto, Vingadores: Ultimato “traiu o movimento”: não trouxe nenhuma cena pós-créditos, assim como o anterior, Vingadores: Guerra Infinita.


Os fãs que permaneceram em seus assentos no cinema até o último minuto ficaram decepcionados com isso. Afinal de contas, por que isso aconteceu?

Em entrevista com o Comic Book, o co-roteirista Stephen McFeely explicou que todos na Marvel nunca pensaram em inserir uma cena pós-créditos em Vingadores: Ultimato, por exemplo, porque seria simplesmente desnecessário.

O fim de um grande arco

“O filme foi vendido para o mundo inteiro como o ponto culminante de 22 filmes”, disse. “Se colocássemos uma propaganda para outro filme, estaríamos sendo meio que enganosos.”

“É por isso que a sequência de créditos foi tão longa. Foi realmente uma despedida. Nunca pensamos em uma cena depois dos créditos finais.”

Vingadores: Ultimato realmente marcou o fim da jornada para muitos personagens. Capitão América, de Chris Evans, e Homem de Ferro, de Robert Downey Jr., são os maiores exemplos.

A Viúva Negra morreu na trama, mas voltará em seu filme solo, que acontece entre Capitão América: Guerra Civil e Vingadores: Guerra Infinita.

Viúva Negra, aliás, é o próximo filme da Marvel a chegar nos cinemas. A estreia está marcada para 29 de outubro.