A Industrial Light and Magic, empresa responsável pelos efeitos visuais de Rogue One: Uma História Star Wars, divulgou um vídeo que detalha como o Governador Tarkin foi recriado no filme.

Originalmente interpretado por Peter Cushing, morto há 20 anos, o personagem dessa vez foi encarnado pelo ator Guy Henry, por meio de captura de movimentos, que posteriormente teve seu rosto digitalmente substituído pelo de Cushing.

Confira:


Sucesso de Rogue One

Originalmente lançado em 2016, Rogue One: Uma História Star Wars é a quarta maior bilheteria da saga, com o total de US$ 1,056 bilhão.

Só ficam atrás de Rogue One: Uma História Star Wars os filmes Star Wars: O Despertar da Força (que faturou pouco mais de US$ 2,06 bilhões pelo mundo), Star Wars: Os Últimos Jedi (US$ 1,332 bilhão) e Star Wars: A Ascensão Skywalker (US$ 1,074 bilhão).

Han Solo: Uma História Star Wars, segundo derivado da saga, chegou aos cinemas em 2018 mas, ao contrário de Rogue One, se tornou um fracasso de bilheteria, arrecadando pouco menos de US$ 400 mil pelo mundo.

Não há previsão para novos derivados de Star Wars.

Enquanto isso, a saga oficial vai iniciar uma nova trilogia. Os próximos filmes de Star Wars têm estreias marcadas para dezembro de 2022, dezembro de 2024 e dezembro de 2026.