Tom Cruise é um dos maiores astros da história de Hollywood, principalmente quando falamos em grandes filmes de ação.

Responsável por protagonizar franquias icônicas do gênero, como Missão: Impossível, o ator, mesmo aos 57 anos, esbanja vigor e boa forma para gravar cenas intensas.

No entanto, tem gente que acha que ele está velho demais para esse tipo de filme. É o caso do escritor Lee Child, autor dos livros que inspiraram os dois longas de Jack Reacher, estrelados por Cruise.


“Velho demais”

Em entrevista ao Times, Child explicou seu ponto de vista: “Cruise estava relutante. Ele tinha seus próprios investimentos nisso, ele ia argumentar contra”, disse o escritor comentando a opção do astro de encerrar a saga após o segundo filme.

“Parece extremamente paternalista, mas acho que é bom para ele. Ele é velho demais para essas coisas. Ele tem 57 anos, precisa seguir em frente, se modificar para ser um ator de [outros] personagens. Ele poderia tirar outros 20 anos disso. Ele é talentoso. Ele é um cara fantástico, muito atencioso, divertido”, finalizou.

No entanto, a idade parece não ser um empecilho para Tom Cruise estrelar filmes de ação. Ele estará em breve em Top Gun: Maverick, e também já trabalha no desenvolvimento de Missão: Impossível 7 e 8.

Jack Reacher – O Último Tiro, filme inaugural da franquia, está disponível na Netflix.