No mundo do cinema e da televisão, os atores vivem mudando de Marvel para DC e vice-versa.

O ator Ben Affleck é um dos maiores exemplos disso. Ele teve uma experiência inicial com a Marvel, e muitos anos depois virou o Batman para a DC.

Inclusive, o Observatório do Cinema lembra que papel na Marvel foi um dos motivos para os fãs inicialmente detestarem a escolha do astro para Homem-Morcego.


Primeira tentativa como super-herói

Em 2003, Ben Affleck estrelou Demolidor – O Homem sem Medo, produção da Fox com base nos quadrinhos da Marvel. O elenco também tinha Colin Farrell, Michael Clarke Duncan e Jennifer Garner, que se tornaria esposa de Affleck (atualmente, ex-esposa).

Havia a expectativa de que Demolidor se tornasse uma franquia de grande sucesso, como havia acontecido com Homem-Aranha para a Sony e X-Men para a própria Fox.

No entanto, o estúdio não contava com uma coisa: Demolidor – O Homem sem Medo foi um grande fracasso em todos os sentidos. O filme teve péssima arrecadação em bilheteria, além de ter sido detonado pelos críticos.

A recepção foi tão ruim que Affleck até mesmo venceu o “prêmio” de Pior Ator no Framboesa de Ouro de 2004 por seu papel como Demolidor.

Muitos anos depois, o ator foi escolhido como Batman pelo diretor Zack Snyder. Os filmes de Affleck como Cavaleiro das Trevas também tiveram uma recepção controversa, mas é quase um consenso que sua performance foi mais satisfatória do que como Demolidor.

Apesar disso, Ben Affleck teve um somente um curto período como Batman, abandonando o papel e citando “problemas pessoais”.

O novo Batman será vivido por Robert Pattinson. Além disso, Michael Keaton deve voltar ao manto em Flash, 30 anos depois de Batman: O Retorno, vivendo um Bruce Wayne mais velho.

The Batman estreia em 1º de outubro de 2021, enquanto Flash chegará aos cinemas somente em 3 de junho de 2022.