O próximo filme focado em Marilyn Monroe, Blonde, com Ana de Armas (007 – Sem Tempo para Morrer), foi descrito como “brilhante” pela autora Joyce Carol Oates.

O filme da Netflix, que deve ser lançado em 2021, é escrito e dirigido por Andrew Dominik, que esteve por trás do filme de faroeste estrelado por Brad Pitt, O Assassinato de Jesse James Pelo Covarde Robert Ford.

de Armas estrela como a famosa Monroe, a icônica atriz, cantora e modelo que apareceu em filmes como Quanto Mais Quente Melhor e O Pecado Mora ao Lado, mas que também teve uma vida pessoal conturbada e morreu aos 36 anos.


Blonde é uma adaptação do romance de Oates de 2000, que apresenta uma abordagem ficcional para a vida pessoal de Monroe.

Oates revelou no Twitter que viu uma versão preliminar do filme e não poderia estar mais feliz com o que assistiu.

“Eu vi o corte bruto da adaptação de Andrew Dominick e é surpreendente, brilhante, muito perturbador e, talvez o mais surpreendente, uma interpretação totalmente ‘feminista’… não tenho certeza se algum diretor do sexo masculino já alcançou algo como isso”, ela escreveu.

Atriz requisitada

Ana de Armas tem estado muito ocupada com novos projetos recentemente, com seu mais novo filme, O Recepcionista, tendo estreado recentemente.

O suspense é estrelado pela atriz como uma misteriosa hóspede de hotel chamada Andrea Rivera, que se aproxima de um recepcionista autista que é suspeito de uma investigação de assassinato após uma morte no hotel.

Ela também estrela o suspense político da Netflix, Wasp Network: Rede de Espiões, ao lado das estrelas de Narcos, Wagner Moura e Penelope Cruz, um filme que documenta a história de cinco oficiais de inteligência que foram presos na Flórida nos anos 90 e depois condenados por espionagem.

Blonde deve ser lançado na Netflix em 2021.

Enquanto isso, 007 – Sem Tempo para Morrer, também com Ana de Armas, chegará aos cinemas em novembro.