Dançarina Imperfeita, da Netflix, é uma adição bem-vinda ao cânone do gênero de filme de dança.

Como seus antecessores, o filme apresenta uma personagem corajosa que aprende a se soltar, uma competição selvagem com altos riscos e um elenco especializado em dança.

Quando a jovem Quinn Ackerman (Sabrina Carpenter) acidentalmente dá a entender que ela é membro do estimado time de dança de sua escola durante uma entrevista de admissão, ela decide que há apenas um próximo passo lógico: entrar no time.


Infelizmente, não é tão fácil. Mesmo depois de algumas aulas de sua melhor amiga talentosa, Jas (Liza Koshy), Quinn tem suas dificuldades.

Quinn tem outro plano, no entanto: alistar Jas, encontrar o ex-prodígio da dança Jake Taylor (Jordan Fisher) e começar seu próprio time. Próxima parada, a competição de dança.

Ótima trilha sonora

A supervisora ​​musical Andrea von Foerster parece bem ciente de que a chave para um bom filme de dança é uma trilha sonora que faz você querer se levantar e dançar, e é por isso que a equipe de Quinn e seus concorrentes dançam ao som de sucessos animados de nomes como Big Freedia, Dua Lipa, Normani e muito mais.

A ótima trilha sonora apresenta até músicas originais do elenco multitalentoso, incluindo uma faixa inédita da própria Carpenter.

Mesmo se você for um novato em dança como Quinn, se verá adicionando todas as músicas de Dançarina Imperfeita à sua lista de reprodução em breve.

Dançarina Imperfeita, da Netflix, foi dirigido por Laura Terruso, de Doris, Redescobrindo o Amor.

Dançarina Imperfeita já está disponível na Netflix.