A franquia épica de Vingadores do MCU criou alguns dos filmes mais populares e de maior sucesso da história.

A saga é composta de incríveis 22 filmes ao todo, culminando com Vingadores: Ultimato em 2019. Se você é um fã de Jornada nas Estrelas: A Nova Geração, pode ter percebido algumas semelhanças entre a série e o filme da Marvel.

Vingadores: Ultimato é a sequência de Vingadores: Guerra Infinita. Apresenta um elenco de estrelas, incluindo Robert Downey Jr. (Tony Stark/Homem de Ferro), Chris Evans (Steve Rogers/Capitão América), Scarlett Johansson (Natasha Romanoff/Viúva Negra), Chris Hemsworth (Thor) e mais.


O filme encontra o universo dos Vingadores dizimado e em caos após a devastação de Vingadores: Guerra Infinita. Deixados derrotados e dispersos, os Vingadores sobreviventes se reúnem mais uma vez, juntando-se a seus aliados restantes em uma resistência final para reverter o dano e potencialmente salvar aqueles que desapareceram.

O filme dá uma olhada no passado, presente e futuro do MCU.

Vingadores: Ultimato chegou aos cinemas em abril de 2019 e foi amplamente elogiado por suas atuações, direção, sequências de ação e efeitos visuais.

De acordo com o Box Office Mojo, o filme teve o maior fim de semana de estreia de todos os tempos, arrecadando US$ 1,2 bilhão em todo o mundo. Quebrou vários outros recordes de bilheteria, incluindo se tornar o filme de maior bilheteria de todos os tempos, arrecadando um total de mais de US$ 2,8 bilhões globalmente.

Jornada nas Estrelas: A Nova Geração durou sete temporadas, de setembro de 1987 a maio de 1994. É a terceira série da franquia Star Trek e segue as aventuras da tripulação a bordo da nave da Frota Estelar, a USS Enterprise.

O seriado foi ambientado um século depois da série original. Estrelou Patrick Stewart como Capitão Jean-Luc Picard, Jonathan Frakes como Comandante William Riker, Brent Spiner como Tenente Comandante Data e LeVar Burton como Tenente Comandante Geordi La Forge.

O programa foi extremamente popular, chegando a 11,5 milhões de espectadores, de acordo com a Trek Today, durante sua quinta temporada em 1992. A série gerou quatro filmes e vários derivados.

Grande inspiração

O diretor da Marvel e produtor de Vingadores, Kevin Feige, é um fã de Star Trek autoproclamado. Durante a Vudu Viewing Party no Twitter em agosto de 2019, ele foi questionado sobre por que decidiu avançar cinco anos em Vingadores: Ultimato.

Respondendo através da conta oficial de Vingadores no Twitter, Feige revelou: “Gostei da ideia de permitir que nossos personagens evoluíssem. Quando eu era criança, o final de Jornada nas Estrelas: A Nova Geração fez isso muito bem e, mais recentemente, Veep fez um ótimo trabalho.”

O final da série Jornada nas Estrelas: A Nova Geração apresenta Jean-Luc Picard viajando no tempo para o passado, presente e futuro. Picard relembra o primeiro episódio do programa, sete anos antes.

Ele então salta para o futuro, quando a tripulação não está mais junta, tudo para impedir que uma anomalia destrua o universo.

O episódio comovente termina com Picard no presente, pela primeira vez sentando-se no jogo regular de pôquer da equipe. Muitos o consideram um dos melhores finais de série de todos os tempos.

Da mesma forma, Vingadores: Ultimato salta para frente e para trás no tempo para tentar mudar o curso da história. O filme avança cinco anos, mostrando um vislumbre da vida futura de cada Vingador.

Também volta no tempo, permitindo aos fãs relembrar onde cada personagem começou, enquanto exploram várias eras do MCU. Enquanto o fim de Jornada nas Estrelas: A Nova Geração é uma celebração de sete temporadas, Vingadores: Ultimato é o culminar adequado da franquia dos Vingadores.

No Brasil, Vingadores: Ultimato, da Marvel, está disponível no Amazon Prime Video.