Você poderia pensar que um novo filme estrelado por Robert Pattinson, Johnny Depp e Mark Rylance seria capaz de receber uma quantidade razoável de atenção, especialmente com cinemas em todo o mundo permanecendo fechados como resultado da pandemia de coronavírus.

No entanto, o drama histórico com o trio, Waiting for the Barbarians, foi lançado em plataformas digitais dos Estados Unidos recentemente, quase sem alarde.

Um dos incontáveis ​​filmes que sofreram com a crise de saúde global, o longa do diretor Ciro Guerra foi originalmente exibido no Festival de Cinema de Veneza em setembro de 2019, antes de sair rapidamente do radar e logo se tornar quase totalmente esquecido.


Mesmo com Batman, Capitão Jack Sparrow e o Bom Gigante Amigo nos três papeis principais, o filme não teve muita publicidade. Um trailer lançado em junho, inclusive, foi muito pouco comentado.

Fria recepção

Com o filme já disponível digitalmente, o consenso da crítica para Waiting for the Barbarians está começando a tomar forma e, com base nas primeiras reações, as avaliações parecem estar bem divididas.

No momento, o filme apresenta uma pontuação de 50% no Rotten Tomatoes. Já no Metacritic, a média é de 53 pontos.

O consenso do Rotten Tomatoes diz: “Admirável na teoria, mas decepcionante na execução, Waiting for the Barbarians se esforça para transformar atuações poderosas e temas dignos em drama comovente.”

Críticos elogiaram as performances de Robert Pattinson, Johnny Depp e Mark Rylance, mas apontaram que a direção de Guerra não consegue fazer de Waiting for the Barbarians um filme memorável.

Nos Estados Unidos, Waiting for the Barbarians já está disponível para compra ou aluguel nas principais plataformas digitais.

Ainda não se sabe quando Waiting for the Barbarians será oficialmente lançado no Brasil.