Existe um grande desenvolvimento por parte dos produtores do Marvel Studios para que as coisas aconteçam no MCU.

Um exemplo disso é a introdução de Thanos. O vilão apareceu pela primeira vez na cena pós-créditos de Os Vingadores, de 2012.

Depois, o vilão, que passou a ser interpretado por Josh Brolin, teve pequenas aparições em outros filmes da Marvel até se tornar o antagonista principal em Vingadores: Guerra Infinita, de 2018.


Thanos encontrou seu fim em Vingadores: Ultimato, de 2019. Ou seja, a Marvel precisa encontrar um novo grande vilão para o MCU.

Novo grande vilão

De acordo com o jornalista Mikey Sutton, do site Geekosity, a Marvel já definiu o vilão que quer que tenha grande destaque depois de Thanos: Galactus.

Sutton apontou que o vilão será introduzido aos poucos, assim como aconteceu com Thanos. É compreensível que isto aconteça, já que se trata de um vilão em grande escala.

Outro detalhe interessante foi revelado: supostamente, este Galactus não terá intenções maliciosas.

Sutton afirmou que o vilão só consumirá planetas inteiros como um meio de sobrevivência. Isto deixaria tudo ainda mais complicado para os super-heróis, já que não dá para simplesmente aniquilar alguém que só quer sobreviver.

Vale destacar que nada disto foi confirmado pela Marvel, portanto as informações devem ser tratadas como rumores.

Nas histórias em quadrinhos, Galactus é um clássico vilão do Quarteto Fantástico. Seus direitos pertenciam à Fox, antes de a Disney adquirir todo o estúdio.

A Marvel está desenvolvendo um reboot de Quarteto Fantástico, mas ainda não há data de lançamento.