A linha do tempo da franquia Velozes e Furiosos sempre foi confusa e a recolocação do filme Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio (2006) na cronologia só tornou tudo mais confuso para os fãs.

Em ordem cronológica, os filmes de Velozes e Furiosos se estabelecem da seguinte forma: Velozes e Furiosos (2001), Turbo-Charged Prelude (2003), + Velozes + Furiosos (2003), Los Bandoleros (2009), Velozes e Furiosos 4 (2009), Velozes e Furiosos 5: Operação Rio (2011), Velozes e Furiosos 6 (2013), Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio (2006), Velozes & Furiosos 7 (2015) e Velozes e Furiosos 8 (2017).

Com a chegada de Velozes e Furiosos 9 em 2021, explicamos a linha do tempo da franquia de uma forma bem detalhada. Vamos lá.


Velozes e Furiosos (2001)

O primeiro Velozes e Furiosos mostra o encontro entre Dom e Brian, inimigos que acabam se tornando aliados ao longo da franquia. O primeiro filme originalmente se passava em 2001, mas a chegada de Desafio em Tóquio jogou a linha do tempo do filme para o ano de 2004.

Turbo-Charged Prelude (2003)

Turbo-Charged é um curta metragem de Velozes e Furiosos que mostra como Brian, interpretado por Paul Walker, deixou de ser um policial para se tornar um criminoso. O filme é uma introdução para + Velozes+ Furiosos.

+ Velozes + Furiosos (2003)

No segundo filme, o foco da franquia Velozes e Furiosos vai para Brian, que agora vive em Miami como um ex-policial. Esse filme introduz Roman Pearce e Tej Parker para a equipe principal da franquia.

Los Bandoleros (2009)

Los Bandoleros é um curta metragem focado em Dom, vivido por Vin Diesel. A obra explica como o protagonista de Velozes e Furiosos voltou a namorar Letty. O filme também mostra uma nova equipe formada por Han, Tego Leo e Rico Santos.

Velozes e Furiosos 4 (2009)

É em Velozes e Furiosos 4 que as coisas começam a se complicar. Apesar de ter sido lançado em 2009, esse filme se passa antes de Desafio em Tóquio, que é de 2006. Han, que morre ao final de Desafio em Tóquio, aparece vivo nesse filme.

Velozes e Furiosos 5: Operação Rio (2011)

Velozes e Furiosos 5 introduz Hobbs, personagem interpretado por Dwayne Johnson, que é hoje um dos protagonistas da franquia.

Nesse filme, há um erro de cronologia que nunca foi corrigido: O filho de Dom com Elena. Pelo que é mostrado, seria impossível que Elena tivesse ficado grávida de Dom na época em que Velozes e Furiosos se passa.

Velozes e Furiosos 6 (2013)

Velozes e Furiosos 6 se passa meses depois do último filme. Aqui temos a introdução de Owen Shaw, que abre o caminho para a chegada de Deckard Shaw, um dos principais personagens da franquia.

Em Velozes e Furiosos 6, uma cena pós-créditos mostra Deckard matando Han após os eventos de Desafio em Tóquio, que é o próximo filme da lista.

Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio (2006)

Desafio em Tóquio não se conecta com quase nenhum elemento dos outros filmes de Velozes e Furiosos. A principal conexão é a presença de Han, que serve como um mentor para o protagonista, Sean Boswell, um delinquente dos EUA que se muda para Tóquio.

Nesse filme, que se passa em menos de um ano após os eventos de Velozes e Furiosos 6, Han acaba assassinado (na época não se sabia que era pelas mãos de Deckard).

Velozes e Furiosos 7 (2015)

Velozes e Furiosos 7 começa imediatamente após os eventos de Desafio em Tóquio, com Deckard avisando para Dom que Han está morto.

Nesse filme, o time de protagonistas enfrenta Deckard Shaw. É nesse filme que Brian, vivido por Paul Walker, se despede da franquia (o ator havia morrido pouco antes do fim das filmagens).

Velozes e Furiosos 8 (2017)

O oitavo filme da saga principal de Velozes e Furiosos apresenta Cipher, vivia por Charlize Theron, como grande vilã. Aqui, a cronologia segue normalmente e os eventos se passam após a saída de Brian da franquia.

Agora, resta assistir a Velozes e Furiosos 9, que chega aos cinemas em abril de 2021.