Em tempos de quarentena, a Netflix se esforça para lançar novos conteúdos de qualidade a cada semana. Neste ano, a plataforma celebrou a estreia da sequência de A Barraca do Beijo, comédia romântica que fez muito sucesso em 2018.

Investindo no mercado erótico, a Netflix disponibilizou também filmes da franquia 50 Tons de Cinza, que conta a história de Anastasia Steele, uma jovem e inocente jornalista que é introduzida ao mundo do sadomasoquismo pelo bilionário sexy Christian Grey, vivido por Dornan.

O que muitos fãs não sabem é que os dois filmes têm uma característica muito importante em comum.


Confira abaixo tudo sobre essa semelhança!

Filmes de fanfics!

A principal característica que une A Barraca do Beijo e 50 Tons de Cinza é o fato das duas sagas literárias e suas subsequentes adaptações cinematográficas terem começado como fanfics!

Para quem não sabe, fanfics são histórias originais criadas por fãs de uma obra já existente, com a possibilidade de utilização de novos personagens ou não.

Esses textos são postados principalmente em sites como Wattpad, um dos mais famosos do gênero.

50 Tons de Cinza, por exemplo, começou como uma fanfic de Crepúsculo. A autora E.L. James começou a história “Master of the Universe” no popular site FanFiction.Net.

A trama era ambientada em um universo alternativo no qual Edward Cullen era um rico e bem sucedido empresário, com um lado dominador escondido. Bella Swan, por sua vez, era uma garota inocente que é apresentada pelo amado ao mundo do sadomasoquismo.

Essencialmente, esta é a mesma história de Christian Grey e Anastasia vista nos filmes e livros de 50 Tons de Cinza. A única mudança é o nome dos personagens.

Algumas falas da fanfic original inclusive foram tiradas diretamente da saga Crepúsculo. A própria personalidade de Anastasia lembra muito o jeito de Bella nos filmes. Felizmente, Dakota Johnson conseguiu encontrar seu estilo próprio de interpretação, sem imitar Kristen Stewart.

Nem toda as fanfics são associadas a livros ou filmes já existentes. A imensa maioria segue essa tendência, porém a obra de Beth Reekles é um pouco diferente. A Barraca do Beijo foi escrita no site Wattpad, capítulo por capítulo.

A história se tornou uma das mais famosas do site, e rapidamente foi adaptada para o mercado literário. Pouco tempo depois a trama ganhou seu filme na Netflix e se tornou uma das comédias românticas mais famosas da atualidade.

A Barraca do Beijo e 50 Tons de Liberdade estão disponíveis na Netflix.