Brad Pitt está planejando interpretar Willy Wonka em uma nova adaptação cinematográfica da clássica história infantil de Roald Dahl, A Fantástica Fábrica de Chocolate.

A produtora do astro, Plan B, trabalhou na versão de 2005 de Tim Burton, estrelada por Johnny Depp como o excêntrico dono da fábrica de doces Willy, e agora está envolvida nos estágios iniciais da produção do reboot.

Uma fonte disse ao jornal britânico Sun que Brad Pitt pretende assumir o papel icônico desta vez, pois quer impressionar seus seis filhos com sua ex-mulher, Angelina Jolie.


“A Plan B lançou a ideia de Brad interpretar o papel há 15 anos e isso poderia estar nos planos novamente”, revelou a fonte.

“Ele está mais intrigado do que nunca e adoraria o cheque de pagamento do filme. Além disso, é o tipo de filme que seus filhos mais novos o incomodam para fazer há anos, onde ele poderia liberar seu lado bobo e cômico como nunca antes.”

Revelando que o ator de Era Uma Vez em Hollywood está em séria disputa pelo papel, a fonte acrescentou: “Brad é apaixonado pela história de Roald Dahl e o último filme de Wonka colocou sua empresa no mapa.”

“Seria uma escolha inusitada, mas Brad certamente está na disputa.”

Um novo Willy Wonka

Brad Pitt pode ter alguma competição para o papel, no entanto, já que Ryan Gosling e Donald Glover também foram supostamente ligados ao papel, interpretado pela primeira vez pelo falecido Gene Wilder em 1971.

A nova versão de A Fantástica Fábrica de Chocolate deve abordar a história de origem de Willy Wonka. A direção será de Paul King, de As Aventuras de Paddington.

A versão de 2005 de A Fantástica Fábrica de Chocolate, com Johnny Depp, está agora disponível na Netflix.