Atenção! Contém spoilers de A Barraca do Beijo 2.

Em tempos de quarentena, a Netflix se esforça para lançar novos conteúdos de qualidade a cada semana. Recentemente, a plataforma celebrou a estreia da sequência de A Barraca do Beijo, comédia romântica que fez muito sucesso em 2018.

A produção do filme começou logo após a boa recepção do primeiro capítulo, que se estabeleceu como um dos filmes teens mais assistidos da plataforma.

No final de A Barraca do Beijo 2, Elle é aprovada em duas faculdades diferentes, além de escolher continuar seu relacionamento com Noah, deixando Marco para trás.


Porém, uma teoria afirma que Elle não deveria ter escolhido nenhum dos dois pretendentes – confira abaixo!

Com quem Elle deveria ficar?

De acordo com uma teoria compartilhada por um site especializado recentemente, Elle deveria ter terminado A Barraca do Beijo 2 sozinha, não com Noah e muito menos com Marco.

Os problemas de comunicação que a personagem sofreu em seu relacionamento com Noah provam que Elle ainda não estava pronta para um relacionamento tão sério. A motivações podem ser inúmeras, mas provavelmente se relacionam com a maturidade da protagonista.

Esse aspecto é visto na maneira que Elle se comunica com Marco, do jeito que ela deveria estar desenvolvendo seus argumentos e conversas em sua relação com Noah.

Além disso, a decisão final da personagem é altamente influenciada pela presença de outras pessoas. Mesmo com Elle querendo ir para Berkeley, sua aplicação para Harvard veio após o encorajamento de Noah.

Enquanto isso, o artigo de aplicação de Elle refletiu exatamente o fato dela não ter pensado muito bem sobre todo o processo, tomando suas decisões de acordo com as ações de Noah.

No final das contas, seria melhor Elle ter ficado sozinha, para refletir melhor sobre seu papel nos relacionamentos e o que realmente quer na vida.

A decisão, no entanto, com certeza influenciaria a produção de A Barraca do Beijo 3, que já foi confirmada pela Netflix.

“Na verdade, nós gravamos o segundo e o terceiro filme ao mesmo tempo”, afirmou Joel Courtney, o intérprete de Lee.

Vale lembrar que A Barraca do Beijo é baseado na série de livros escrita por Beth Reekles. Um terceiro volume da história de Elle ainda não foi produzido, mas um conto da mesma autora pode ser usado como base para um novo filme.

Reekles publicou em 2020 The Kissing Booth: Road Trip, que tem a trama ambientada em meio à trama da primeira sequência.

A Barraca do Beijo 2 já está disponível na Netflix.