A série principal de Velozes e Furiosos pode acabar com o décimo filme, mas a franquia deve continuar com seus longas-metragens derivados. Agora, parece que Ryan Reynolds está interessado em ter seu próprio filme na famosa franquia.

Segundo matéria de Scott Campbell, no WGTC, o ator de Deadpool estaria interessado em protagonizar seu próprio filme.

Ele apareceu brevemente como agente da CIA, Victor Locke, em Hobbs & Shaw, primeiro derivado de Velozes e Furiosos.


Ele também deve reprisar o papel na continuação de Hobbs & Shaw, após o primeiro arrecadar mais de US$ 750 milhões nas bilheterias ao redor do mundo.

Em todo caso, é melhor levar esse interesse do ator, que certamente acarretaria em um filme (afinal, é Ryan Reynolds), como rumor, até que o estúdio confirme algo.

Série da Netflix

Recentemente, Velozes e Furiosos ganhou uma série animada na Netflix.

Inspirado pela franquia de filmes Velozes e Furiosos, a animação da Netflix mostra o adolescente Tony Toretto seguindo os passos do seu primo, Dom (Vin Diesel), quando ele e seus amigos são recrutados por uma agência do governo.

Eles precisam se infiltrar em uma liga de corrida de elite, que serve como frente de uma organização criminosa, que busca dominar o mundo.

Nessa segunda temporada, Tony e sua equipe embarcam na sua primeira missão internacional, no Brasil. No Rio de Janeiro, eles descobrem que a mais nova recruta da equipe, Layla Gray, desapareceu durante uma missão infiltrada.

A voz de Tony é de Tyler Posey, ator de Teen Wolf. O elenco de vozes tem ainda Charlet Chung e Renée Elise Goldsberry.

Vale notar que Vin Diesel é um dos produtores da série animada.

Velozes & Furiosos: Espiões do Asfalto tem duas temporadas na Netflix. Enquanto isso, Velozes e Furiosos 9 chega em maio de 2021.