Publicidade

Diretor desmente história inusitada de O Exterminador do Futuro

Publicado por Bruno Tomé

03/10/2020 04:30

Há uma história curiosa sobre O Exterminador do Futuro. Basicamente, Arnold Schwarzenegger comentou que um ex-jogador de futebol americano foi cotado para ser o seu personagem.

O jogador em questão é o polêmico O.J. Simpson. De um astro, o ex-atleta, na década de 1990, passou a ser acusado pelo assassinato da esposa, Nicole Brown – em um dos julgamentos mais famosos da história.

Porém, bem antes de tudo isso, o atleta teria sido cotado para o filme. Isso, segundo a estrela Arnold Schwarzenegger.

Agora, James Cameron, o diretor do filme, desmentiu essa situação. O cineasta garante que O.J. Simpson nunca foi cotado para o papel de Exterminador.

“Deixe-me corrigir… Arnold não está certo. Eu sei que é difícil de imaginar! Você não discute com Arnold”, brincou o diretor ao LA Times.

Depois, James Cameron contou o que aconteceu. Mike Medavoy, então presidente da Orion, indicou O.J. Simpson, mas o nome foi descartado pelo diretor e pela produção.

“Eles estavam ajudando a financiar o filme… Ele disse, ‘Está sentado? Tenho uma dica de escalação: O.J. Simpson como Exterminador e Arnold Schwarzenegger como Kyle Reese'”, relembrou o cineasta.

Sincero, Cameron disse que foi uma “das piores ideias” de escalação que recebeu.

Mais filmes de O Exterminador do Futuro?

No momento, O Exterminador do Futuro parece ter um futuro incerto.

Em 2019, a franquia tentou um novo recomeço com O Exterminador do Futuro: Destino Sombrio, que é o sexto longa da série. Até mesmo Linda Hamilton, a Sarah Connor original, voltou.

Porém, o filme fracassou na bilheteria e nas críticas. Assim, a ideia de uma nova trilogia pode ter acabado ali mesmo.

Confira abaixo a publicação de Arnold Schwarzenegger.

O Exterminador do Futuro: Destino Sombrio está disponível em plataformas digitais.

Publicidade