Quando Vingadores: Ultimato foi lançado em 2019, os fãs da Marvel passaram pelo filme com um pente fino, certificando-se de que os Irmãos Russo conseguiram contar a história sem problemas de continuidade.

O filme criou alguns buracos na trama, pois amalgamava momentos de 20 filmes do passado para dar aos seguidores do MCU uma espécie de fechamento.

No entanto, os fãs com olhos de águia parecem ter perdido um erro. Durante o Assalto no Tempo enquanto os Vingadores embarcam em três missões diferentes para recuperar as Joias do Infinito, nem tudo acontece conforme o planejado.


Novo erro encontrado

As coisas dão errado em Nova York, mas o Hulk tem sucesso em obter a Joia do Tempo da Anciã. Como ela é vista defendendo o Sanctum Sanctorum contra os Chitauri, ela facilmente leva a melhor sobre o Hulk.

Recusando-se a entregar a Joia para ele, ela diz que é “o dever do Feiticeiro Supremo proteger a Joia do Tempo”. No entanto, ela cede quando Hulk diz que o Doutor Estranho a entregou a Thanos.

“Strange deve ser o melhor de nós”, diz ela, aceitando que deve haver um motivo para ele fazer isso. No entanto, isso não está de acordo com o que vimos na história de origem do personagem, Doutor Estranho. Quando Strange visita Kamar-Taj, ela se recusa a ensiná-lo.

“Teimosia. Arrogância. Ambição. Eu já vi tudo isso… Não posso levar outro aluno talentoso ao poder, apenas para perdê-lo para a escuridão”, ela disse a Mordo em uma conversa particular, enquanto ela também fala sobre o vilão do filme Kaecilius.

Se ela estava ciente de Doutor Estranho em 2012 quando a Batalha de Nova York aconteceu, por que ela se recusou a ensiná-lo em 2016, quando Doutor Estranho foi definido?

Este é claramente um buraco na trama que evitou a detecção no momento do lançamento do filme.

Vingadores: Ultimato, da Marvel, estará em breve disponível no Disney+, serviço de streaming que será lançado no Brasil em novembro.