Astro revela o que precisou fazer para se sentir a vontade em 50 Tons de Cinza

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jamie Dornan ficou mundialmente conhecido por seu papel como Christian Grey na trilogia 50 Tons de Cinza.

Seu trabalho na franquia certamente lhe trouxe uma grande fortuna, além da fama, mas também fez com que o ator fosse muito criticado por sua atuação. Ficar marcado por um papel dessa maneira é algo que não seria bem visto pela maioria dos astros de Hollywood.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Então por que Dornan, que já vinha de outros papéis elogiados pela crítica, teve vontade de estrelar 50 Tons de Cinza?

Motivação para estrelar a trilogia

Em entrevista para a Variety, o ator contou que tentou não pensar muito em ficar marcado por um personagem. Na época, ele só estava tentando interpretar papéis variados.

Ele também explicou que sempre soube que seu trabalho em 50 Tons de Cinza não seria bem recebido por todos.

“Eu queria fazer o máximo de trabalho possível. Estava procurando trabalho diversificado e interessante.”

“Provavelmente sou mais conhecido por uma franquia que foi um sucesso monstruoso mas não foi amada pela crítica.”

“É uma coisa estranha entrar em uma franquia sabendo que ela será bem-sucedida mas detonada pela crítica. Até mesmo os livros de 50 Tons de Cinza foram um sucesso, mas avaliados negativamente.”

“Passei por uma fase ruim em 50 Tons de Cinza porque comecei a ler críticas, mas descobri que elas me divertiam muito.”

“Uma delas dizia que eu tinha o carisma de uma aveia. Lembro que isso ficou na minha cabeça por muito tempo, mas eu não discordo totalmente disso.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio