50 Tons de Cinza pode ter começado como uma fanfic de Crepúsculo, mas, curiosamente, Robert Pattinson e Kristen Stewart não chegaram a ser chamados para os papéis de Christian Grey e Anastasia Steele. Independente disso, ambos já foram questionados sobre a obra.

Conforme matéria de Abeni Tinubu, no CheatSheet, Pattinson não chegou a revelar se ele já considerou interpretar Grey, mas falou sobre a autora E.L. James não querer que ele vivesse o personagem.

“Acho que a autora não me quer no filme. Eu vi uma entrevista anteriormente e ela disse: ‘Oh, nunca poderia ser ele’. E eu fiquei: ‘Ei, eu vou fazer você pagar por isso'”.


“É engraçado ver todos esses atores abertamente ansiando pelo papel. Eu nunca vi isso acontecer antes. É tão estranho. Eu não li o negócio todo, somente uns pedaços”, continuou Robert Pattinson.

Kristen Stewart diz o que acha de 50 Tons

Kristen Stewart, a Bella de Crepúsculo, também revelou que somente leu alguns trechos de 50 Tons de Cinza.

“Eles não me chamaram ou algo assim. Eles não me ofereceram o papel. Eu não cheguei a ler, sei sobre o que vocês estão falando. Eu definitivamente li ‘aqueles pedaços'”, disse a estrela de Crepúsculo, em meio a risadas.

“É realmente uma maluquice, eu não acreditei. Vejo as pessoas lendo e penso: ‘cara, você está em público, o que você está fazendo?'”.

“Mas sou bem ousada. Só precisa ser a história certa e não sei dizer mais porque não li. Não estou evitando ou algo assim”.

Pelo jeito, jamais teríamos visto um 50 Tons de Cinza estrelado pelos atores de Crepúsculo.

50 Tons de Liberdade está disponível na Netflix. Os outros filmes da série e os da saga Crepúsculo podem ser vistos em DVD, Blu-ray e por meio de plataformas digitais.