Godzilla vs Kong, um dos duelos mais esperados pelos fãs dos monstros gigantes pode não chegar aos cinemas e ir direto para o streaming.

Conforme matéria do THR, a Netflix ofereceu mais de US$ 200 mil para a Legendary Pictures pelos direitos de exibição do filme.

A WarnerMedia, contudo, bloqueou o acordo e parece estar preparando sua própria oferta, a fim de levar Godzilla vs King Kong para o HBO Max.


A apesar dessa matéria do THR, que é um dos veículos mais confiáveis quando o assunto é Cinema, representante da Warner Bros afirmou que o plano ainda é lançar o filme nos cinemas em 2021.

É possível que eles estejam aguardando o resultado de Mulher-Maravilha 1984, que também será exibido no HBO Max (além dos cinemas) para ver qual caminho será seguido.

A manobra vem após a Disney ter o lançamento muito bem sucedido de Mulan no Disney+. Em todo caso, mais notícias devem ser veiculadas nos próximos meses.

Universo dos monstros

Os filmes do Monsterverse também englobam os novos longas do Godzilla, que começaram a ser lançados após o reboot de 2014.

Como King Kong é um dos Titãs mais icônicos, não foi uma surpresa o fato do personagem ganhar um filme solo para sua reapresentação a uma audiência mais moderna.

Kong: Ilha da Caveira foi lançado exatamente para isso: introduzir o gorila a um novo público e preparar o terreno para o retorno do personagem em uma futura sequência. Vale lembrar que Ilha da Caveira é ambientado nos anos 70, e os novos filmes do Godzilla se passam nos dias atuais.

Em 2019, Godzilla: Rei dos Monstros chegou aos cinemas. O filme dividiu a opinião dos críticos mas conquistou uma boa parte do público.

Além de apresentar o retorno do Godzilla, o filme apresentou novos Titãs como Mothra, Ghidorah e Rodan, além de confirmar que o King Kong continua confinado na Ilha da Caveira.

Agora, o Monsterverse se prepara para lançar mais um filme, possivelmente o mais interessante da onda moderna, no qual dois dos Titãs mais impressionantes vão se enfrentar.

Godzilla vs. Kong será protagonizado por Alexander Skarsgård, e terá também Millie Bobby Brown, Rebecca Hall e Eiza González em seu elenco. O filme está previsto para 2021.