O Que Ficou Para Trás tem sido o assunto da Netflix desde seu lançamento, e por uma boa razão, já que provou ser um sucesso com a crítica.

Na verdade, o novo terror já obteve uma pontuação rara de 100% no Rotten Tomatoes.

O filme segue um jovem casal de refugiados (Wunmi Mosaku e Ṣọpẹ Dìrísù) enquanto eles lutam para se adaptar a uma nova vida na Inglaterra e aos fantasmas que os perseguem.


O consenso perfeito da crítica conclui que O Que Ficou Para Trás é uma “visão aterrorizante dos espectros da experiência de refugiado e uma estreia impressionante para Remi Weekes”.

A New York Magazine chamou o longa de “lindamente feito” com sustos “monstruosamente eficazes”, enquanto a Rolling Stone elogiou “sua fantástica fusão de experiência política e de costume”.

Sucesso com a crítica

As estrelas de O Que Ficou Para Trás conversaram recentemente com o Digital Spy, com Dìrísù admitindo que a história humana era tão atraente quanto o terror.

“Wunmi e eu discutimos muito sobre como remover o monstro da história é igualmente poderoso e, de certa forma, um pouco mais assustador porque é uma experiência vivida por tantas pessoas”, disse ele.

“A psicologia disso e o trauma mental que você não pode evitar quando passa pelas jornadas que Bol e Rial fazem, há uma camada inteira na história que não pode ser negada e é tão poderosa quanto a emoção e o horror de um monstro.”

“Essa dualidade e as camadas da narrativa foram definitivamente algo que me atraiu, e acho que falo por Wunmi quando digo que atraiu nós dois para o projeto.”

O Que Ficou Para Trás está disponível para transmissão agora na Netflix.