Adeus, J.K. Rowling? Harry Potter terá novo supervisor

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O executivo da Warner Bros., Tom Ascheim, foi promovido e supervisionará a franquia de filmes Harry Potter do estúdio e as propriedades do Mundo Mágico, de acordo com a Variety.

Ascheim também atua como presidente de clássicos para crianças e jovens adultos da Warner Bros. Ele se reporta à chefe da WarnerMedia, Ann Sarnoff.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Como parte de suas novas responsabilidades, Ascheim atua como o principal representante da WarnerMedia em seu relacionamento com a autora J. K. Rowling e seus representantes, o agente Neil Blair e o diretor de criação da Blair Partnership James McKnight.

Ele também terá a tarefa de expandir a propriedade do Mundo Bruxo para as várias lojas e parceiros de plataforma do estúdio.

O estúdio não fez nenhum plano concreto para o futuro de Harry Potter no anúncio recente.

Sob nova supervisão

Rowling, uma das autoras de maior sucesso de todos os tempos, tornou-se uma figura polarizadora.

Ela foi criticada muitas vezes por comentários polêmicos sobre pessoas trans. Rowling deixou claro que acredita que a identidade de gênero invalida o sexo biológico, o que significa que ela não pensa que mulheres trans são mulheres ou homens trans são homens.

J. K. Rowling também levantou o espectro de homens se autodenominarem mulheres apenas para ganhar acesso a espaços exclusivos para mulheres, uma tática comum (e amplamente desacreditada) de ativistas anti-trans.

Para os fãs de longa data de J. K. Rowling, seus tuites anti-trans eram um contraste gritante com os temas abrangentes de empatia e amor dos romances de Harry Potter.

No Brasil, os filmes de Harry Potter estão agora disponíveis no HBO Go.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio