John Wick é uma das franquias de ação mais bem sucedidas da atualidade. Apresentando um olhar criativo e dinâmico sobre o mundo dos assassinos profissionais, os filmes foram essenciais para a “renascença” da carreira de Keanu Reeves.

Um dos aspectos mais interessantes de John Wick é a caracterização do protagonista. O “Baba Yaga” é temido por bandidos e mafiosos de todos os tipos, tendo sido treinado e criado pela máfia russa Ruska Roma.

O site MentalFloos revelou os maiores segredos da franquia, que deve ganhar em breve seu quarto filme.


Confira abaixo!

Título original

Originalmente, John Wick seria chamado de “Scorn” (Desprezo). O nome foi criado pelo roteirista Derek Kolstad em 2012, e seria inspirado em filmes como Busca Implacável e Chamas de Vingança.

Em 2014, ano de estreia, John Wick assumiu o nome oficial. Keanu Reeves já havia se referido ao filme com o nome do personagem, e o estúdio resolveu seguir o ator.

Origem do nome

O nome de John Wick foi inspirado em um familiar do roteirista Derek Kolstad – mesmo sem muitas semelhanças com o indivíduo em questão.

John Wick foi batizado com o mesmo nome do avô de Kolstad, dono da empresa de construção Wick Building Systems, na cidade de Madison, estado americano de Wisconsin.

Diretor

Quando Keanu Reeves aceitou o papel de John Wick, o ator trouxe consigo os dublês Chad Stahelski e David Leitch. O ator já havia colaborado com os profissionais na trilogia Matrix, e decidiu envolve-los nas cenas de luta de John Wick.

Secretamente, Reeves queria que a dupla dirigisse o filme. Os outros membros da equipe de produção aceitaram, e Stahelski foi creditado com o diretor principal do longa.

Recuperação

Mesmo com quase 50 anos na época das filmagens de John Wick, Keanu Reeves se esforçou para atuar sozinho em todas as cenas de ação. Em 2014, o ator contou ao jornal The Los Angeles times sobre a recuperação da intensa gravação.

“Eu costumava tomar banhos de gelo! Todo os dias após as gravações, chegava em casa e usava a técnica que eu aprendi em Matrix”, revelou o ator.

Hobby

Além de gostar de cachorros, John Wick tinha outro hobby interessante na versão original do roteiro, que sofreu grandes modificações até o resultado final.

A primeira versão incluiria uma cena do protagonista restaurando a capa de um livro antigo de couro. A cena chegou a ser filmada, mas não foi incluída na edição final do longa.