Atriz da Netflix revela o real significado do fim de Fuja

Entenda o que realmente acontece com Diane no final de Fuja

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Atenção! Contém spoilers de Fuja.

Procurando sempre se manter na dianteira entre o mercado cada vez mais concorrido das plataformas de streaming, a Netflix investe no lançamento de conteúdo de qualidade a cada semana. Agora, o catálogo da Netflix passa a incluir um grande sucesso da Hulu: Fuja.

O filme foi lançado originalmente em novembro de 2020 pela Hulu, uma das plataformas mais famosas dos Estados Unidos. Na época da estreia, o longa se tornou o mais assistido da história do serviço de streaming.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Uma adolescente educada em casa começa a desconfiar que a mãe está escondendo um terrível segredo”, afirma a sinopse oficial de Fuja.

O final de Fuja surpreendeu muita gente ao subverter alguns dos grandes clichês do gênero.

Em uma entrevista ao site Hello! Magazine, a atriz Kiera Allen discutiu o desfecho do longa; confira!

O final de Fuja

O desfecho de Fuja muda completamente a rotina de abusos estabelecida entre as personagens de Sarah Paulson e Kiera Allen.

Após Diane ser hospitalizada após a nova tentativa de sequestrar Chloe, a filha é quem se torna a responsável pela mãe, administrando todos os medicamentos na personagem como forma de vingança pelos anos de abuso.

Vale lembrar que Chloe na verdade não tinha problemas de saúde – suas deficiências eram causadas por remédios aplicados pela mãe.

Como o desfecho de Fuja deixa o destino de Diane em aberto, muitos fãs acreditaram que a personagem de Sarah Paulson morre ao ser envenenada por Chloe.

Mas na verdade, de acordo com a entrevista de Kiera Allen, a conclusão é bem mais sutil.

“O diretor e eu trabalhamos por semanas nesse momento!”, afirmou Allen, referindo-se à cena final do longa. “Não a vejo como a Chloe matando a mãe, mas sim fazendo com ela aquilo a que foi submetida por tantos anos. Ela mantém a Diane doente, sem chances de ameaçar ninguém. E essa decisão é o resultado de seus muitos anos sendo traumatizada”, comentou a estreia de Fuja.

Segundo Allen, Chloe optou por manter Diane viva, já que, por bem ou por mal, a personagem de Sarah Paulson foi a única mãe que conheceu.

“Ela continua querendo ter um relacionamento com a mãe, mas racionaliza que a única maneira de fazer isso é incapacitá-la, remover seu potencial ameaçador”, explicou Allen.

Fuja está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio