Filme bizarro da Netflix está tirando o sono dos fãs

Saiba tudo sobre o icônico longa Eles Vivem, de John Carpenter

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A cada semana, a Netflix se esforça para lançar filmes e séries de qualidade e conquistar ainda mais fãs do mundo inteiro. E a plataforma não disponibiliza apenas lançamentos atuais, mas oferece também filmes vintage e produções mais antigas.

Uma dessas produções clássicas é o bizarro filme Eles Vivem, de 1988. A obra de John Carpenter é considerada uma das mais icônicas do cinema de terror, e abriu as portas para um aclamado subgênero do estilo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O filme foi disponibilizado recentemente no catálogo brasileiro na Netflix, e desde então vem tirando o sono do público.

Confira abaixo tudo sobre a bizarrice de Eles Vivem!

A trama bizarra de Eles Vivem

Eles Vivem (com o título original de John Carpenter’s They Live), é um filme americano de terror, ação e ficção científica lançado em 1988.

O longa foi baseado no famoso conto “Eight o’Clock in the Morning” (Às Oito da Manhã), escrito por Ray Nelson. O roteiro e direção do filme ficaram por conta do inovador cineasta John Carpenter.

Eles Vivem acompanha a história de Nada (vivido por Roddy Piper), um andarilho sem nenhum propósito de vida. Ao encontrar um par de óculos escuros jogados nas ruas de Los Angeles, o protagonista passa a enxergar o mundo como é de verdade.

Perambulando pelas ruas da cidade, Nada percebe que o governo e a mídia são responsáveis por uma enorme quantidade de mensagens subliminares direcionadas ao povo, com o objetivo de manter a população dócil e controlada.

O protagonista descobre também que a maior parte da “elite social” é formada por alienígenas com rostos de caveira, que buscam a dominação mundial e a escravização da raça humana.

Após todas essas descobertas chocantes, Nada passa a lutar para libertar a humanidade dos alienígenas e seus empregados.

O impacto cultural de Eles Vivem

Eles Vivem representou um relativo sucesso na época de seu lançamento, chegando ao topo da bilheteria americana no seu primeiro fim de semana de exibição.

No entanto, o filme acabou recebendo críticas negativas devido à crítica social incluída na história e a atuação do elenco.

Assim como outros filmes de Carpenter, Eles Vivem se tornou com o tempo um fenômeno cult, e passou a ser reconhecido como um dos projetos mais subestimados do cineasta.

Os elementos políticos de Eles Vivem se baseiam no crescente desapontamento do cineasta com o consumismo da cultura popular dos anos 80, influenciada pelas políticas econômicas do então presidente Ronald Reagan.

O filme também entrou para o cânone da cultura pop, com um impacto duradouro na arte de rua, grafite e na cultura de Los Angeles.

Além disso, a cena de luta entre os protagonistas e um grupo de alienígenas volta e meia é citada em listas das melhores sequências de ação da história de Hollywood.

Uma das partes mais interessantes de Eles Vivem é a estética do filme. O visual assustador e ao mesmo tempo cômico dos monstros conseguiu tirar o sono de muita gente.

Eles Vivem está disponível na Netflix! Confira abaixo o trailer.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio