Will Smith é contra nova lei dos EUA e muda filme

Lei eleitoral da Geórgia dificulta votação no estado

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Will Smith se posicionou contra a nova lei eleitoral do estado da Geórgia, nos EUA. Ele decidiu que o seu novo filme, Emancipação, não será mais gravado nesse estado.

A nova lei eleitoral foi promulgada pelo governador republicano da Geórgia e impõe uma série de regras que dificulta o próprio ato de votar. Isso inclui a limitação do número de urnas, impõe requisitos de identificação do eleitor e proíbe que voluntários forneçam água aos eleitores, mesmo que tenham de esperar horas nas filas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A decisão de não gravar mais na Geórgia partiu dos produtores de Emancipação, novo filme com Will Smith e segue uma onda de boicotes e críticas por parte de empresas, produtoras, famosos e organizações esportivas.

“Não podemos, em sã consciência, fornecer apoio financeiro a um governo que promulga leis eleitorais regressivas destinadas a restringir o acesso dos eleitores”, declararam Will Smith e o diretor Antoine Fuqua à France Presse.

“Infelizmente, nos sentimos obrigados a realocar nosso trabalho de produção cinematográfica da Geórgia para outro estado”.

“As novas leis de votação da Geórgia lembram as barreiras para votar que foram aprovadas no final da Reconstrução para impedir o voto de muitos americanos”, continuaram.

A nova lei eleitoral promulgada por político republicano vem após a Geórgia ter sido essencial para a vitória de Joe Biden, democrata, na eleição presidencial estadunidense.

Não há previsão de estreia para Emancipação, com Will Smith.

Will Smith revela pedido emocionante do filho

Will Smith e Jada Pinkett Smith criaram três filhos juntos. Eles têm Jaden e Willow juntos, e Trey Smith do primeiro casamento de Will.

Quando Trey completou 16 anos, ele fez um desejo tão altruísta de aniversário que levou seu pai às lágrimas e inspirou Jaden e Willow a fazer algo igualmente altruísta no Natal.

Will Smith contou a história na coletiva de imprensa de seu drama de 2008, Sete Vidas. Sete Vidas foi lançado em dezembro de 2008, apenas cinco semanas após o aniversário de 16 anos de Trey em 11 de novembro.

Como Sete Vidas era um filme de Natal, a questão dos presentes de Natal naturalmente surgiu.

Will Smith disse que ele e seus filhos estavam simplesmente dando presentes de Natal naquele ano. Eles foram inspirados por Trey.

“Seu aniversário era 11 de novembro e ele fez algo que me deixou todo choroso em sua festa de aniversário”, disse ele.

“Ele pediu a todos os seus amigos que trouxessem presentes para outras crianças. Ele disse que não queria presentes de aniversário, disse que tinha coisas suficientes para que todos os seus amigos trouxessem presentes para a festa e eles os levaram para a enfermaria de câncer no Hospital Infantil.”

Smith teve alguns momentos dramáticos intensos, desde o episódio de Um Maluco no Pedaço em que o pai de Will retorna, a filmes como À Procura da Felicidade e Sete Vidas. Ele recriou as lágrimas que sentiu quando ouviu o desejo abnegado de aniversário de Trey.

“Eu estava tipo: ‘Bem, vá em frente. Você está de castigo.’ Ele respondeu: ‘Pelo quê?’ Eu disse: ‘Porque você não pode ficar olhando para mim nesse estado’”, disse Will Smith.

O próximo filme com Will Smith é King Richard, da Warner Bros. A estreia deve acontecer ainda em 2021.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio