Com tigre zumbi e robôs, Army of the Dead é um dos filmes mais insanos da Netflix

Longa de Zack Snyder tem tudo para revolucionar o gênero

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Procurando se manter na dianteira no mercado das plataformas de streaming, a Netflix investe bilhões de dólares por ano em conteúdo original. Agora, a plataforma se prepara para o lançamento do que pode ser um dos maiores filmes de zumbis de todos os tempos: Army of the Dead: Invasão em Las Vegas.

O filme promete agradar fãs do estilo característico do cineasta Zack Snyder e entusiastas do gênero de sobrevivência, além de admiradores de séries como The Walking Dead.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Um grupo de mercenários organiza um grande assalto a um cassino de Las Vegas em meio a um apocalipse zumbi”, afirma a sinopse oficial do longa.

Jornalistas e blogueiros que já puderam conferir a trama do filme revelaram detalhes bizarros! Confira abaixo por sua conta e risco.

Momentos bizarros de Army of the Dead

Em uma entrevista com Zack Snyder publicada pelo site Screen Rant, o diretor explicou que além de zumbis tradicionais e bestas mortas vivas, os personagens de Army of the Dead também vão enfrentar uma espécie de “zumbi robô”, com melhorias cibernéticas e tecnológicas.

O filme representa uma evolução dos zumbis aos quais o público está confirmado, como as lentas criaturas de The Walking Dead.

“Desde o início, minha intenção foi criar zumbis que representem a evolução, não estagnados como os mortos vivos tradicionais. Também queria dar um grau de ambiguidade à origem das criaturas, o que será explorado no derivado animado”, comentou o diretor.

Snyder revelou que parte dos zumbis de Las Vegas pode representar seres completamente diferentes.

“Se você prestar atenção, vai ver que vários zumbis não são realmente zumbis. Você vê zumbis normais e aí percebe a presença de robôs zumbis. Eles são monitores que o governo colocou para vigiar a horda? Ou são parte de uma tecnologia de outro mundo?”, sugeriu o cineasta.

A origem dos zumbis de Army of the Dead deve ser explorada no já confirmado derivado animado ou em outras das expansões do universo planejadas pela Netflix.

Um dos aspectos mais interessantes do filme é a presença de animais zumbis. Em uma entrevista ao Screen Rant, a produtora Deborah Snyder falou sobre a caracterização e criação de um cavalo zumbi.

Segundo a produtora, o cavalo zumbi de Army of the Dead é um cavalo de verdade. Seu visual “zumbificado” foi produzido através de maquiagem e efeitos especiais, diferentemente das criaturas de outros filmes, normalmente criadas completamente em CGI.

O visual da criatura foi definido por Gabe Bartalos, especialista em maquiagem de efeitos especiais para cavalos há mais de 20 anos.

Nenhum cavalo foi machucado no processo de “zumbificação”, de acordo com a produtora.

“Descobrimos que os cavalos, especialmente os treinados, se acalmam quando colocamos cobertores neles. Então nós construímos uma espécie de cobertura de nylon e em cima dela aplicamos a maquiagem. Foi bem divertido”, comentou a produtora.

No entanto, a equipe sofreu algumas dificuldades ao gravar cenas com cavalos no verão do Novo México. O calor incomodou os animais, que precisavam ser refrescados com frequência.

Army of the Dead: Invasão em Las Vegas estreia na Netflix em 21 de maio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio