Crepúsculo pode não ter contado grande segredo de Bella

Fãs acreditam que a protagonista da saga é metade lobisomem

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Baseados nos livros de Stephenie Meyer, os filmes da saga Crepúsculo acompanham a história de Bella, uma jovem que se envolve em um triângulo amoroso com um vampiro e um lobisomem.

Desde a estreia da franquia, fãs não param de criar teorias sobre a trama, e uma delas recentemente surpreendeu muitos usuários de redes sociais.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O site Screen Rant compartilhou uma teoria que afirma que Bella é na verdade parte lobisomem em Crepúsculo!

Veja abaixo tudo sobre a suposição e tire suas próprias conclusões.

Bella é uma lobisomem?

Os vampiros de Crepúsculos são diferentes das contrapartes tradicionais de várias maneiras diferentes, principalmente pelo fato de poderem sobreviver à luz do sol e contarem com habilidades especiais individuais.

Lobisomens também são diferentes, chamados de “shapeshifters”, e podem se transformar em lobos mesmo sem a presença da lua cheia.

Na saga Crepúsculo, a protagonista Bella Swan se envolve em um triângulo amoroso com Edward Cullen e Jacob Black, respectivamente um vampiro e um lobisomem,

No entanto, uma teoria compartilhada recentemente pelo site Screen Rant sugere que Bella é muito mais do que uma simples humana.

Como já foi mencionado, os vampiros do universo de Crepúsculo têm poderes especiais, como leitura de mentes, tortura mental, mudanças de emoções, previsão do futuro e até mesmo poderes elementais.

No entanto, todos os poderes envolvendo a mente não funcionam em Bella. Esse foi um dos motivos de Edward se aproximar da protagonista, já que ela era a única pessoa que o vampiro não conseguia ler a mente.

Em Lua Nova, os poderes de Jane também não funcionam em Bella.

No decorrer da saga Crepúsculo, quando Bella é transformada em vampira, ganha o poder de criar uma espécie de escudo para se proteger das habilidades mentais de outras criaturas.

Alguns fãs acreditam que esse poder particular indica que Bella é uma lobisomem, já que lobisomens também não são afetados pelos poderes dos vampiros.

Outra justificativa usada pelo autor da teoria é o fato de Bella ter conseguido engravidar de Edward em Amanhecer, já que o personagem de Robert Pattinson é vampiro e a protagonista é uma humana.

A teoria afirma que Bella tinha um “gene de lobisomem”, e que pode isso conseguiu conceber uma criança com Edward.

A suposição também ajuda a explicar como Jacob fez seu “imprinting” com Renesmee, filha de Bella, já que a herdeira da personagem também seria metade vampira e metade lobisomem.

A teoria, por outro lado, tem vários furos. Nenhum vampiro identifica o característico cheiro dos lobisomens em Bella, e a história familiar da personagem também não possui nenhuma indicação da presença de lobisomens.

E você, acredita na teoria? Todos os filmes da saga Crepúsculo estão disponíveis na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio