Marvel é processada por causa de Homem de Ferro

Editora já venceu um processo relacionado ao assunto, mas agora um novo está em andamento

Publicadohá pouco tempo
Por Victor
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A empresa de quadrinhos Horizon Comics e seus fundadores Ben e Raymond Lai estão processando a Disney e a Marvel Entertainment, alegando em seu processo que a Marvel repetidamente roubou seus designs em várias ocasiões nos filmes de Homem de Ferro, Homem-Formiga e Vingadores.

A ação alega que os designs foram usados ​​sem consentimento ou compensação para a Horizon Comics e os Lais, com os reclamantes buscando “pôr fim a esta violação deliberada e persistente e ordenar que os réus paguem indenizações compensatórias e punitivas ao reclamante, além dos custos da Horizon, incluindo custos com advogados”, de acordo com o processo (via CTV News).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os designs em questão vêm da série Radix de três volumes publicada pela Image Comics de dezembro de 2001 a abril de 2002. De acordo com a ação judicial, após o sucesso da série Radix, o agora editor-chefe da Marvel, CB Cebulski, procurou contratar os irmãos Lai para trabalhar como artistas para a Marvel com base na série, mas eles recusaram.

Então, o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT) copiou ilustrações para uma bolsa de pesquisa para o Institute for Soldier Technology em 2002.

O MIT emitiu um pedido público de desculpas pelo uso das ilustrações sem consentimento, mas conforme o processo, após o incidente, a Marvel contatou os irmãos Lai novamente e, em 2002, eles aceitaram, trabalhando nos quadrinhos de Thor e X-Men.

“Começamos Radix em 1995 com o objetivo de criar algo único. Foi com Radix que nos tornamos conhecidos e reconhecidos na indústria de quadrinhos americana. Fizemos um nome para nós mesmos. Isso nos permitiu trabalhar em todos os lugares, incluindo a Marvel”, disseram os irmãos Lai em um comunicado.

A declaração continuou: “O MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) copiou um dos personagens de Radix em 2002 para obter uma concessão de US$ 50 milhões, decidimos não processar porque eles se desculparam publicamente e reconheceram seu erro. Mas com a Marvel, é uma violação repetida.”

“Após anos de litígios nos Estados Unidos e somas substanciais, eles continuam a copiar nossos personagens. Está nos causando danos significativos e afetando nossa capacidade de ganhar a vida como artistas. É claro que não podemos aceitar esse comportamento repetido. A única maneira de consertar as coisas era abrir o processo.”

Quanto aos designs que a Horizon Comics e os irmãos Lai alegam que a Marvel roubou, é especificamente mencionado o traje de Homem de Ferro 3, que o processo afirma ser “notavelmente semelhante ao traje usado por Caliban, um dos personagens retratados em Radix 1, da Horizon”.

É importante notar que a Horizon Comics entrou com uma ação contra a Marvel em 2013, a qual foi parcialmente indeferida, mas teve permissão para prosseguir com relação ao design do pôster do filme.

No entanto, a Marvel venceu o processo em 2019 com o juiz do Tribunal Distrital dos Estados Unidos, J. Paul Oetken, descobrindo que “virtualmente nenhuma evidência no registro” indicava que os envolvidos no design do pôster de Homem de Ferro 3 teriam visto o desenho de Caliban.

Novo processo em andamento

Neste novo processo canadense, a Horizon argumenta que a Marvel continuou a infringir seus designs, especificamente com a aparição do Homem de Ferro em Vingadores: Guerra Infinita, e também alega violação entre os designs de personagens de Homem-Formiga e a Vespa e de um personagem militar em Radix 2, da Horizon.

“Nem a Horizon nem os irmãos Lai forneceram qualquer forma de consentimento, explícita ou implícita, para a reprodução de suas obras”, diz o processo.

“Ao contrário, a Horizon já instituiu uma ação legal completa nos Estados Unidos para fazer valer seus direitos em parte das obras. Depois dessa primeira reclamação legal, a Marvel infringiu os direitos autorais da Horizon de uma maneira ainda mais flagrante.”

Filmes da Marvel estão agora disponíveis no Disney+.



Você quer ver produções da Marvel, Star Wars, NatGeo e Pixar? Clique aqui para assinar o Disney+

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio