Ator da Marvel estrelou péssima sequência de Halloween e fãs não lembram

Muita gente se esquece do papel do astro de Homem-Formiga na franquia de terror

Publicado em 9/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Paul Rudd é um dos maiores nomes de Hollywood hoje. O ator da Marvel está no ramo desde o início dos anos 1990 e demonstrou sua abrangência em diversos papéis, incluindo um na popular franquia Halloween.

Muitos fãs o conhecem como um dos humoristas principais de algumas comédias icônicas dos anos 2000, incluindo O Âncora: A Lenda de Ron Burgundy, O Virgem de 40 Anos, Ligeiramente Grávidos, Eu Te Amo, Cara, e Ressaca de Amor.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Rudd também é amado por seu papel como Mike Hannigan, marido de Phoebe em Friends, bem como por vários outros projetos, incluindo o clássico Mais um Verão Americano, Confusões de Leslie e As Patricinhas de Beverly Hills, só para citar alguns.

Claro, Rudd alcançou um novo nível de fama quando se juntou ao MCU como Scott Lang, também conhecido como Homem-Formiga, um papel que ele está reprisando em um dos filmes mais esperados da Fase 4 da Marvel, Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania.

Rudd, no entanto, desempenhou um papel em outra franquia muito popular: Halloween. É fácil esquecer que ele apareceu nesta icônica saga de terror, porque é uma das piores sequências, como apontado por Andrea Butler no Looper.

Papel esquecido no cinema

Paul Rudd estrelou como Tommy Doyle em Halloween 6: A Última Vingança, de 1995. Situado seis anos após os eventos de Halloween 5 – A Vingança de Michael Myers, o sexto filme da franquia segue Tommy, o garoto de quem Laurie Strode cuidou durante o filme original.

Sua obsessão por Michael Myers e o Culto de Thorn força-o ao caos e ao horror da família Strode enquanto Michael Myers persegue os últimos parentes vivos de Laurie.

Esta parte posterior da saga Halloween marca o primeiro papel do jovem ator como protagonista – e apenas seu segundo papel no cinema, depois de As Patricinhas de Beverly Hills, lançado no início de 1995.

O filme é considerado um dos piores da saga Halloween, com míseros 9% de pontuação com a crítica e 34% com o público no Rotten Tomatoes.

No entanto, se saiu melhor nas bilheterias, arrecadando US$ 15,1 milhões nas bilheterias americanas, um valor considerado decente para uma produção de baixo orçamento na época (não teve um lançamento internacional nos cinemas).

Desde Halloween 6: A Última Vingança, Rudd não apareceu mais em nenhum filme de terror, ao invés disso, optou por deslumbrar o público com suas incríveis habilidades cômicas – e eventualmente, seus talentos de super-herói.

No entanto, para os fãs de filmes de terror e de Paul Rudd, Halloween 6: A Última Vingança é uma interessante visão do passado. Apenas certifique-se de moderar suas expectativas quanto à qualidade do filme.

Paul Rudd retorna à Marvel em Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania, que estreia em 17 de fevereiro de 2023.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio