Publicidade

Escolha controversa

Estrela da Marvel defende cena polêmica de Vingadores Ultimato: “Faz sentido”

Fãs tiveram uma reação mista ao destino da personagem no blockbuster de 2019

Publicado por Victor Carvalho

22/06/2021 08:00

Scarlett Johansson defendeu a morte trágica da Viúva Negra em Vingadores: Ultimato, da Marvel.

Embora o filme do MCU de 2019 tenha sido um grande sucesso para os críticos e fãs, os diretores Joe e Anthony Russo fizeram algumas escolhas criativas controversas no blockbuster. Uma e sem dúvida a maior de todas elas foi como eles escolheram encerrar o arco de Natasha Romanoff.

Introduzida em Homem de Ferro 2 de 2010 como uma agente da SHIELD escolhida por Nick Fury para ficar de olho no Homem de Ferro, a Viúva Negra se tornou um membro em tempo integral dos Vingadores.

Como um dos membros fundadores da equipe de super-heróis do MCU, ela se envolveu nas batalhas de Nova York, Sokovia e Wakanda.

Entre suas grandes missões, ela também se envolveu principalmente com os filmes solo do Capitão América, aparecendo em Capitão América: O Soldado Invernal e Capitão América: Guerra Civil.

No entanto, sua jornada terminou em Vormir quando ela decidiu desistir de sua vida pela Joia da Alma em Vingadores: Ultimato. Essa decisão teve uma resposta divisiva do público.

Em uma entrevista com a ET Online para o vindouro filme solo da Viúva Negra (via Screen Rant), Johansson admitiu que está ciente da resposta mista da morte de Nat em Vingadores: Ultimato.

Mas, em meio a isso, a estrela da Marvel explicou por que fazia sentido que sua personagem fosse aquela a se sacrificar, dizendo que os amigos que foram dizimados eram a principal motivação da personagem.

“É engraçado porque eu tive várias reações contraditórias ao seu destino final em Vingadores: Ultimato.”

“Mas para mim, fazia muito sentido que ela se sacrificasse não apenas pelo bem maior da humanidade, mas na verdade por seus amigos, que era realmente o cerne de tudo. Ela é uma boa pessoa.”

A polêmica morte da Viúva Negra

Esta é uma explicação diferente da que os cineastas revelaram. Os Irmãos Russo admitiram que houve idas e vindas entre Viúva Negra e Gavião Arqueiro sobre quem ia se sacrificar em Vormir.

Mas eles optaram por Nat por seu direito de escolha, permitindo que ela decidisse seu destino, algo que ela mal teve o luxo de fazer antes em seu arco.

Apesar disso, a resposta de Johansson pode ser enquadrada como complementar a essa lógica.

Com base na citação da atriz, a ânsia de Nat em ver seus amigos ressuscitados depois de serem mortos pelo Estalo de Thanos e permitir que ela fizesse algo pessoalmente para a missão pode ser o principal motivo pelo qual ela foi quem deu o salto para a morte em Vormir.

No entanto, muitas das críticas da polêmica morte da Viúva Negra em Vingadores: Ultimato não eram sobre a personagem ter a chance da escolha.

É sobre se ela merecia ou não morrer dessa forma, especialmente porque ela realmente foi a única Vingadora que permaneceu comprometida com sua causa nos cinco anos após a morte de Thanos.

Gavião Arqueiro, por outro lado, entrou em fúria como parte de seu processo de luto após o desaparecimento de sua família.

Muitos acreditam que foi injusto que Nat nem mesmo tenha visto seus amigos ressuscitarem. Neste ponto, o Marvel Studios espera que o filme da Viúva Negra justifique tardiamente a morte de Nat.

Viúva Negra, da Marvel, estreia nos cinemas e através do Premier Access do Disney+ em 9 de julho.

Publicidade