Publicidade

No Japão Imperial

Não é só na Netflix: Samurai X existiu na vida real; veja história dele

Saiba tudo sobre o guerreiro Kawakami Gensai, inspiração de Rurouni Kenshin

Publicado por Alexandre Guglielmelli

22/06/2021 21:30

Lançado entre 1994 e 1999, Samurai X (Rurouni Kenshin) é um dos mangás mais icônicos de todos os tempos. A história começa no 11º ano do Período Meiji no Japão, e acompanha a história de Himura Kenshin, um espadachim vagante que promete proteger o povo japonês – sem tirar nenhuma vida.

O mangá inspirou um anime homônimo e adaptações em live-action, abordando conceitos como arrependimento, paz e romance.

Recentemente, uma adaptação live-action de Samurai X passou a fazer o maior sucesso na Netflix. O que muitos fãs não sabem é que o protagonista Kenshin é inspirado em um guerreiro da vida real!

O site Looper falou tudo sobre o assunto; confira abaixo!

O Samurai X da vida real

Samurai X, ou Rurouni Kenshin, traz a romântica e emocionante história de um assassino que jura nunca mais matar novamente.

Quando Himura Kenshin salva a vida da adorável Kaoru, que administra uma escola e ensino para jovens estudantes a arte da espada, o protagonista é obrigado a quebrar a promessa para proteger quem realmente ama.

A trama do anime é bastante romântica, e termina com um final feliz para o triste protagonista.

O personagem Himura Kenshin é inspirado por um samurai da vida real, chamado Kawakami Gensai, que viveu durante um período bastante conturbado da história do Japão.

Gensai era um homem honrado e pacifista, com habilidades lendárias no manejo de sua espada. Diferentemente da trama do Samurai X, no entanto, a vida do guerreiro original não terminou com um final feliz.

Nascido em 1832 como Komori Genjiro, o pequeno Gensei foi adotado pela família Kawakami aos 11 anos de idade.

O guerreiro estudou artes acadêmicas e esgrima de maneira simultânea na infância e adolescência, revelando rapidamente o talento com a espada.

No final da adolescência e início da vida adulta, Gensai tornou-se aprendiz do lendário padre guerreiro Hayashi Oen.

Na mesma época, o samurai desposou uma mulher chamada Misawa Teiko – que por si só era uma grande especialista em artes marciais – e com ela teve um filho chamado Gentaro.

Gensei viveu durante o fim da Era Edo no Japão, um período turbulento no qual as políticas de shogunato do Império e seu isolamento internacional começavam a ruir.

Embora tenha trabalhado por muitos anos como soldado e guarda-costas, Gensai ficou mais famoso pelo assassinado de Sakuma Shozan, um político que tinha o objetivo de incentivar negócios entre o Japão e as nações estrangeiras.

O samurai acabou preso por se juntar a um grupo de guerrilha, conhecido como Kiheitai, contra o shogunato.

Após deixar a cadeia, o guerreiro mudou seu nome para Kouda Genbei e retornou ao seu lar em Kumamoto, onde se tornou um professor.

No entanto, em 1870, Gensai foi preso novamente por dar abrigo a membros do Kiheitai que fugiam do governo. Por suas ações, o samurai foi condenado à morte, sendo executado por decapitação em 1872.

Assim como Kenshin, o protagonista de Samurai X, Gensai foi um homem pacífico, que preferia à quietude de sua vila ao tumulto das batalhas – mas que não hesitava em lutar por suas crenças e para proteger os entes queridos.

Confira uma foto real do guerreiro abaixo!

Dois filmes de Samurai X estão disponíveis na Netflix.

Publicidade