Tarantino rebate fãs de Bruce Lee: “Chupa um p**”

Diretor foi criticado por Era Uma Vez em... Hollywood

Publicado em 30/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quentin Tarantino foi muito criticado por fãs de Bruce Lee em razão da cena em que o famoso artista marcial apanha de Cliff Booth em Era Uma Vez em… Hollywood. O famoso diretor respondeu essas críticas sem muitas papas na língua.

Em participação no podcast The Joe Rogan Experience, o diretor rebateu essas críticas e soltou o verbo, demonstrando não ter muita paciência para isso, especialmente dois anos após a estreia do filme.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Posso entender que a filha dele tenha um problema com isso. É a p*rra do pai dela. Eu entendo”, disse Tarantino. “Mas qualquer outra pessoa, oh, chupa um p**!”

Quentin Tarantino também explicou mais detalhadamente como exatamente Cliff, vivido por Brad Pitt no filme, venceu Bruce Lee na luta.

“Ele não oferece resistência alguma a Bruce e Bruce acaba com Cliff. Existem quatro maneiras diferentes de Bruce ter ido para cima dele na segunda vez e Cliff teria pouca defesa, mas na maioria das vezes se um cara tem golpe particular e parece que o outro cara é um falastrão, que não consegue se defender, eles repetem o golpe uma segunda vez. Mas agora Cliff sabe o que é! Ele se prepara para isso e joga Bruce no carro. Ele apenas o enganou. Bruce percebe que foi enganado”.

Quentin Tarantino vai se aposentar

Quentin Tarantino confirmou que está se aposentando. O aclamado diretor fará apenas mais um filme antes de deixar a cadeira de direção.

Em Hollywood, o diretor sempre comentou que se aposentaria após o 10º filme dele. Muitos chegaram a duvidar, mas Tarantino confirmou que segue com o plano.

Em entrevista ao Real Time with Bill Maher, o famoso diretor de filmes como Pulp Fiction e Django Livre, comentou como quer terminar a carreira em alta.

“Eu conheço a história do cinema e daqui para frente, os cineastas não conseguem melhorar. Eu não tenho um motivo para dizer em voz alta, que vai ganhar alguma discussão na corte da opinião pública ou na suprema corte”, explicou ainda o cineasta.

Apesar do anúncio, Tarantino observou como teve uma carreira longa. Pelo processo de trabalho dele, o diretor chegou ao número de filmes que tem.

“Ao mesmo tempo, ter 30 anos de trabalho e fazer a quantidade de filmes que fiz, apesar de não ser como outros, é uma carreira longa. É uma carreira realmente longa”, comentou o cineasta.

Por enquanto, os fãs esperam para saber qual será o filme final da carreira de Tarantino.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio