Astro de Kill Bill morre de COVID-19 aos 82 anos

Shin'ichi 'Sonny' Chiba viveu Hattori Hanzo no filme de Quentin Tarantino

Publicado em 19/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Shin’ichi ‘Sonny’ Chiba, que estrelou filmes como Kill Bill e Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio, faleceu de COVID-19 aos 82 anos. A notícia foi confirmada à Variety pelo agente do ator e artista marcial.

Chiba teve uma longa carreira no Cinema e TV, que começou nos anos 1960. Ele atuou em diversos filmes japoneses e alguns americanos. Ele também trabalhou como coreógrafo nos estágios finais da carreira dele.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Shin’ichi nasceu como Sadaho Maeda em Fukuoka, no Japão, em 22 de janeiro de 1939. Ele começou a treinar artes marciais na Nippon Sports Science University, em 1957.

Ele estudou caratê com o sensei Masutatsu ‘Mas’ Oyama e tornou-se faixa preta em 1965. Posteriormente, ele interpretou Oyama na trilogia que teve origem com Combate Mortal, em 1975.

Carreira de sucesso

Shin’ichi ‘Sonny’ Chiba se tornou internacionalmente famoso com Street Fighter: A Vingança, que foi lançado nos EUA pela New Line Cinema.

O astro interpretou Hattori Hanzo em Kill Bill – Vol. 1. No filme de Quentin Tarantino, ele vive um espadachim aposentado, que se torna dono de restaurante de Sushi. Ele é o lendário ferreiro que forja a espada da personagem de Uma Thurman.

Em Velozes e Furiosos: Desafio em Tóquio, ele interpreta Kamata, chefão da Yakuza e tio do antagonista Takashi.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio