Raízes Macabras: Explicamos o final do filme da Netflix

Filme de terror vem recebendo elogios

Publicado em 26/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Contém spoilers

Aqui está uma análise sobre o final de Raízes Macabras para explicar o que aconteceu. Contém grandes revelações, então só leia se já tiver assistido ao filme da Netflix.

O filme de terror é centrado na repórter mexicana-americana Cristina Lopez (Brigitte Kali Canales), que volta para sua cidade natal, Veracruz, para uma história sobre a cultura local.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No entanto, antes que ela pudesse completar o que veio fazer, Cristina é sequestrada por dois moradores locais que afirmam que ela está possuída por um demônio. Antes de poder sair, ela deve ser exorcizada e, embora não acredite neles, começa a perceber que podem estar falando a verdade.

Sem mais delongas, continue lendo para conferir o que acontece no encerramento de Raízes Macabras (via Digital Spy).

Final explicado

O filme começa com o exorcismo de uma mãe enquanto a filha assiste, e depois percebemos que se tratava da mãe de Cristina. Não saiu como planejado e sua mãe morreu, fazendo com que Cristina fosse colocada em um orfanato e se mudasse de Veracruz.

Cristina já está acorrentada por Javi (Sal Lopez) e sua mãe Luz (Julia Vera), e logo percebe que sua prima Miranda (Andrea Cortés) também está envolvida. Cristina foi encontrada em La Boca, um lugar que Miranda lhe disse para nunca visitar porque “não era seguro”.

Luz é uma bruxa que pratica “as velhas maneiras” e quando olha nos olhos de Cristina, supostamente vê um demônio. Conforme Cristina passa por vários estágios do exorcismo para fazer o demônio se mostrar, ela começa a ver um garotinho e outras coisas estranhas.

No entanto, a princípio não está claro se Cristina está realmente vendo coisas porque está possuída ou porque está passando por uma abstinência de drogas. Flashbacks mostram que ela era viciada em drogas e infeliz em sua vida, e seu cativeiro não intencional significa que ela ficou sem o que trouxe com ela.

Cristina percebe que a única maneira de ter sido capturada em La Boca – um lugar onde ninguém vai – seria se Miranda a tivesse encontrado. Ela admite que fez isso, mas apenas para salvar Cristina antes que La Boca pudesse “consumi-la”. Na discussão, Cristina arranha Miranda e Miranda diz a ela que é obra do demônio.

Depois de uma horrível “cirurgia psíquica”, onde dentes são arrancados de seu estômago, Cristina tenta escapar nocauteando Javi. No entanto, ela aceita que está possuída quando está fisicamente incapaz de sair devido à linha de sal na porta.

Cristina começa a ler sobre o demônio que Luz acredita estar nela, chamado Postehki, “o deus da morte das coisas quebradas”. La Boca é o lugar onde “almas despedaçadas” vão para ser “consumidas” pelo demônio, e ela admite a Miranda que foi a La Boca para se matar.

Ela não quer mais morrer e convence Luz a realizar um perigoso ritual de exorcismo, onde ela será efetivamente crucificada (via magia, essencialmente) para tirar o demônio.

Durante o ritual, Cristina vê La Boca novamente e o menino que ela viu, mas percebe que ninguém mais o viu – ele é uma manifestação do demônio. O ritual é um sucesso e o demônio é arrastado, embora Luz tenha que se sacrificar para destruí-lo para sempre.

Está tudo bem, certo? Nunca é tão simples. Miranda começa a agir de forma estranha quando Cristina diz que vai voltar para casa, e é revelado que o demônio não foi embora – ele apenas foi para Miranda. Luz foi a última pessoa que conheceu as “velhas maneiras”, então toda esperança parece perdida.

No entanto, durante seu ritual, Cristina foi cortada em seu olho pelo demônio e ela agora pode “ver” demônios como Luz podia. Ela começa a realizar o mesmo ritual em Miranda, antes de entender que o demônio quer que Miranda sofra enquanto se alimenta da escuridão da dor: “Você precisa que eu a machuque.”

Cristina interrompe o ritual para tentar matar o demônio dentro de Miranda de fome. Isso atrai Postehki e Cristina o enfrenta, arrancando seu coração, que Miranda apunhala para finalmente matar o demônio para sempre.

A cena final de Raízes Macabras mostra outro americano capturado em La Boca e levado para ser exorcizado.

É o chefe de Cristina, Carson (A. J. Bowen), que foi procurá-la quando ela não voltou, embora seja justo dizer que ele não esperava vê-la como a nova bruxa que tomou o lugar de Luz.

Cristina olha em seus olhos e vê um demônio, embora ele obviamente não acredite.

“Não somos bons nisso, mas vamos melhorar”, ela promete.

Raízes Macabras está disponível para assistir agora na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio