Publicidade

Tragédia

Antes de morte em Rust, atores estavam com medo e lembravam de Brandon Lee

Segurança no set do filme com Alec Baldwin era preocupante

Publicado por Guilherme Coral

26/10/2021 10:29

Um ator de Rust revelou sentir que as cenas envolvendo armas no filme eram perigosas, mas que ele estava com medo de levantar a voz por ainda estar no início da carreira. Segundo ele, o elenco lembrava de Brandon Lee, que faleceu por conta de um disparo acidental, assim como Halyna Hutchins no filme com Alec Baldwin.

Ian Hudson interpreta um bandido que leva um tiro e é morto em Rust. Ele disse ao TMZ ter sentido que a cena da morte dele foi um risco à vida dele.

“Quando os disparos foram disparados, quando atiraram em mim, eu realmente senti as balas de festim atingindo meu rosto e meu corpo. Pude sentir o vento da espingarda sendo disparada”, disse ele ao TMZ. “Era pesado. Era forte”.

A única proteção contra possíveis acidentes eram escudos de plástico que envolviam câmeras caras, disse Hudson, que se perguntou por que os atores não eram protegidos de forma similar.

Ator não levantou as próprias preocupações

Hudson ficou calado por ser um novo ator, ele não queria “causar problemas” e, potencialmente, prejudicar a própria carreira.

“Então eu fiquei quieto por muito tempo, mas alguns dos outros atores que trabalharam em muito mais filmes do que eu… Eles estavam checando duas ou três vezes nossas armas depois que o armeiro as dava para nós, se estavam carregadas ou não”, disse Hudson ao TMZ.

O astro de Rust disse que parte do elenco estava tão alarmado pelas condições de segurança, que chegaram a falar sobre a morte acidental de Brandon Lee, que foi morto por disparo acidental de arma, que deveria estar carregada com bala de festim.

A morte de Halyna Hutchins em Rust segue sendo investigada.

Publicidade