Publicidade

Casos similares

Família de Brandon Lee se pronuncia sobre tragédia em filme de Alec Baldwin

Filho de Bruce Lee também morreu por conta de disparo acidental em set

Publicado por Guilherme Coral

22/10/2021 13:09

A diretora de fotografia Halyna Hutchins faleceu após disparo acidental de arma cenográfica usada por Alec Baldwin no set do filme Rust. Essa não é a primeira vez que algo assim acontece, o mesmo já ocorreu com Brandon Lee, filho de Bruce Lee. A família de Lee se pronunciou sobre o recente caso.

No Twitter oficial de Brandon, que faleceu em 1993 no set de O Corvo, a família do falecido ator comentou a tragédia de Hutchins e de Joel Souza, diretor de Rust, que foi ferido com o disparo.

“Nossos corações estão com a família de Halyna Hutchins e com Joel Souza, além de todos os envolvidos no incidente em Rust. Ninguém jamais deveria ser morto por uma arma em um set de cinema. Ponto final”, diz o tuite.

Outros famosos também se pronunciaram sobre o caso.

Veja o tuite da família de Brandon Lee, abaixo.

Investigação continua

Os detetives ainda estão ouvindo os envolvidos em Rust. A investigação afirma apenas que os disparos aconteceram durante uma cena – ainda sem a confirmação se foi em ensaio ou já em gravações.

Após o acidente, Alec Baldwin foi levado até uma delegacia local e testemunhou. O ator e produtor de Rust foi liberado logo em seguida.

Um porta-voz da produção de Rust comunicou ao público que as gravações param por tempo indeterminado.

“Todo elenco e a equipe estão absolutamente devastados após a tragédia de hoje. Estamos enviando nossos sentimentos para os familiares e os amigos de Halyna Hutchins. Nós interrompemos as gravações por tempo indeterminado e vamos cooperar com as investigações policiais”, diz o comunicado.

O estúdio garante ainda que vai fornecer auxílio jurídico para todos os envolvidos no acidente de Rust.

Publicidade