Publicidade

Machismo

Megan Fox diz que foi cancelada ao comparar diretor com Hitler

Atriz criticou Michael Bay, diretor de Transformers

Publicado por Guilherme Coral

21/10/2021 12:07

Megan Fox foi demitida de Transformers: O Lado Oculto da Lua e posteriormente disse ter sido cancelada por comparar o diretor Michael Bay a Adolf Hitler. A comparação foi feita em entrevista à revista britânica Wonderland.

A atriz disse receber orientações machistas durante as gravações dos dois primeiros Transformers, dos quais participou.

“Ele quer ser como Hitler nos sets, e ele é. É um pesadelo trabalhar com ele”, disse Fox na época.

“Ele dizia: ‘Seja gostosa’. Já tive essa direção no set antes. ‘Mike’, eu disse, ‘com quem estou falando? Para onde eu deveria estar olhando?’ E ele responde: ‘Basta ser sexy’. Eu fico brava quando as pessoas falam comigo assim”.

A atriz foi criticada tanto por Michael Bay, quanto por Shia LaBeouf, que estrelou os filmes de Transformers. O diretou alegou que Steven Spielberg, produtor executivo dos filmes, pediu pela demissão dela, algo que Spielberg negou.

Período difícil para Megan Fox

Já na entrevista recente ao New York Post, Megan Fox refletiu sobre esse momento na carreira e como, na época, teve de aguentar calada as críticas.

“Saí de uma das maiores franquias que Hollywood já teve. E eu tive que lidar com as pessoas dizendo: ‘Você foi demitida porque era um pé no saco’. Não abri a boca para me defender, apenas vivi com isso”.

Apesar disso, a americana sabia que, eventualmente, esse incidente seria discutido novamente – e sob um outro olhar. “Mesmo que fosse depois de minha morte, eu sabia que eventualmente as pessoas teriam uma compreensão melhor do que realmente estava acontecendo naquele momento. Estou feliz por ter vivido para ver isso, eu acho”, continuou Megan Fox.

Os filmes de Transformers estão disponíveis no Amazon Prime Video.

Publicidade