Publicidade

Contém spoilers

Eternos prepara arco maior que o de Thanos na Marvel

Novo filme introduz ameaça inédita e perigosa ao MCU

Publicado por Alexandre Guglielmelli

06/11/2021 18:30

Com a trama de Eternos, a Marvel abre caminho para o futuro nos cinemas e introduz conceitos que podem influenciar (e muito) a trama corrente do MCU. Segundo o site Screen Rant, o filme traz uma ameaça cósmica de proporções inimagináveis – que supera até mesmo as terríveis ações de Thanos e se estabelece como o maior arco da franquia.

“Após o retorno de metade da população da Terra em Vingadores: Ultimato iniciar a ‘Aparição’, os Eternos se reúnem para proteger a humanidade dos Deviantes”, afirma a sinopse oficial divulgada pela Marvel.

O elenco de Eternos é formado por alguns dos maiores astros e estrelas de Hollywood, como Angelina Jolie, Richard Madden, Kit Harington, Kumail Nanjiani, Gemma Chan e muito mais.

Veja abaixo tudo que já se sabe sobre a nova ameaça do MCU e como Eternos inicia a trajetória para uma batalha surpreendente nos cinemas.

A verdadeira ameaça de Eternos no MCU

O conflito central de Eternos se baseia na revelação de que um Ovo Celestial existe no núcleo da Terra.

Assim como em diversos mundos espalhados pelo cosmos, os Celestiais implantaram um integrante da raça cósmica no coração do planeta – com o mundo eventualmente providenciando a energia necessária para acordar a entidade.

Enquanto esse processo destrói o mundo que serve como “incubadora”, também permite que esse novo Celestial viaje pelo universo e traga vida para outros planetas.

Os Eternos são secretamente designados para ajudar nesse processo, e têm suas mentes apagadas a cada tentativa bem sucedida.

Ikaris até tenta garantir que o Celestial no núcleo da Terra acorde (e chega a lutar contra os outros Eternos para cumprir a missão), mas no final, acaba falhando. Sersi impede a ascensão ao acessar a Unimente.

Os Eternos conseguem impedir o nascimento do Celestial, mas nesse processo podem ser convidados a um novo nível de destruição para a Terra. No final do filme, Thena, Makkari e Druig viajam pelo Universo em busca de outros Eternos, mas Sersi, Sprite, Phastos e Kingo continuam na Terra.

Não demora muito para Arishem, o Celestial que enviou os Eternos na missão, voltar à Terra. O fato dos heróis terem impedido a ascensão do Ovo chama a atenção das entidades cósmicas, que agora desejam descobrir por que os personagens escolheram a humanidade e permitiram o sacrifício da criatura.

Os Celestiais vão analisar as memórias dos Eternos para determinar se a humanidade deve continuar existindo – e se tomarem a decisão contrária, um julgamento terrível deve dizimar a Terra.

É uma ameaça chocante, dado o poder cósmico dos Celestiais. Mesmo se comparados a Thanos, os personagens são infinitamente mais poderosos.

A ameaça do julgamento pode indicar a chegada de Exitar, o Exterminador, que pode se tornar o principal vilão do futuro do MCU.

Nas HQs da Marvel, Exitar é um Celestial que traz destruição completa para todos os planetas que irritam as forças cósmicas.

Ou seja, a ameaça dos Celestiais pode representar o maior perigo para o MCU até agora, não apenas para a Terra mas para todos os mundos do Multiverso.

Eternos já está em cartaz nos cinemas brasileiros.

Clique aqui para assinar o Disney+ e assistir aos filmes do MCU.

Publicidade