Publicidade

Bastidores

Schwarzenegger deu conselho para Will Smith por rivalidade com Tom Cruise

Durante um período, ator de MIB: Homens de Preto quis ser o maior astro de ação do planeta

Publicado por Bruno Tomé

17/11/2021 09:05

Will Smith admitiu que chegou a rivalizar com Tom Cruise para ser o maior astro de ação da Terra. Isso levou ao ator ganhar um conselho de Arnold Schwarzenegger, de que o astro de MIB: Homens de Preto deveria ser conhecido além dos Estados Unidos.

O ator de O Exterminador do Futuro sabe bem do que está falando. Nos anos 1980 e até 1990, Schwarzenegger esteve em rivalidade declarada com Sylvester Stallone.

No livro Will, o ator de Eu Sou a Lenda comentou o que ouviu do veterano. O astro garante que as palavras mudaram a perspectiva dele sobre a carreira.

“Você não é uma estrela se os seus filmes são conhecidos apenas na América. Você não é uma estrela até que cada pessoa em cada país saiba quem é você. Você tem que viajar ao mundo, apertar a mão de todo mundo e beijar os bebês. Pense como concorrer ao cargo político de maior estrela de ação do planeta”, Arnold Schwarzenegger disse a Will Smith.

Parece que Will Smith seguiu o conselho, como Tom Cruise. Os dois astros costumam ser presentes em divulgações de filmes, viajando ao redor do mundo inteiro.

Will Smith chega com novo filme no cinema

O mais novo trabalho do ator é o filme biográfico King Richard: Criando Campeãs.

O filme é simplesmente baseado na história de Richard Williams. A cinebiografia deve acompanhar a infância e juventude das tenistas Serena e Venus Williams ao lado do pai, que é interpretado aqui por Will Smith.

“Motivado por uma visão clara do futuro de suas filhas, empregando métodos próprios e nada convencionais de treinamento, Richard tem um plano detalhado para levar Venus e Serena Williams, das ruas de Compton, na Califórnia, para as quadras de todo o mundo, como lendas vivas do tênis.

Profundamente comovente, o filme retrata a importância da família, da perseverança e da fé inabalável como instrumentos para alcançar o impossível e transformar o mundo”, afirma a sinopse do filme.

Aunjanue Ellis (Se a Rua Beale Falasse) interpreta a mãe das garotas, Oracene “Brandi” Williams, Saniyaa Sidney (Estrelas Além do Tempo) estrela como Venus Williams, e Demi Singleton (a série Godfather of Harlem), como Serena Williams, com Tony Goldwyn (Divergente) no papel do treinador Paul Cohen, e Jon Bernthal (Ford vs Ferrari) como o treinador Rick Macci, além de Andy Bean (It – Capítulo Dois), Kevin Dunn (a franquia Transformers) e Craig Tate (Greyhound).

Reinaldo Marcus Green dirigiu King Richard: Criando Campeãs a partir do roteiro escrito por Zach Baylin, com produção de Tim White e Trevor White com a Star Thrower Entertainment, e Will Smith com sua Westbrook. Isha Price, Serena Williams, Venus Williams, James Lassiter, Jada Pinkett Smith, Adam Merims, Lynn Harris, Allan Mandelbaum, Jon Mone e Peter Dodd são os produtores executivos.

King Richard: Criando Campeãs tem estreia para 2 de dezembro.

Publicidade