Publicidade

Mudança importante

Sylvester Stallone admite que Rocky é o culpado por morte de grande personagem

Nova versão de filme da franquia modifica cena crucial e aumenta o nível de emoção

Publicado por Alexandre Guglielmelli

17/11/2021 09:00

A versão do diretor de Rocky IV finalmente deixa claro que a morte de Apollo Creed, interpretado por Carl Weathers, foi culpa de Rocky Balboa. Décadas após o lançamento do longa, Stallone reeditou diversas tramas do filme, modificou sequências já existentes e incluiu filmagens nunca vistas. Com a nova versão, Sly trouxe o foco para a irmandade entre Creed e Balboa, e mudou para sempre a despedida de Apollo.

Hoje em dia, Stallone já admite ter se arrependido da decisão de matar Apollo Creed no roteiro de Rocky IV. O personagem era muito popular e carismático, servindo como um contraste importante (e complementar) à personalidade de Rocky.

Em Rocky III, Apollo decide se tornar o mentor de Balboa, e treinar o “Garanhão Italiano” para sua revanche contra Clubber Lang. Atualmente, Stallone entende que Apollo tinha muito mais a oferecer para a franquia, e que poderia muito bem ter sobrevivido à sua luta com Ivan Drago.

O site Screen Rant revelou tudo que os fãs precisam saber sobre essa mudança e como a versão do diretor de Rocky IV modifica a morte de Apollo; veja.

A morte de Apollo em Rocky IV

Em Rocky vs. Drago, a versão de Rocky IV reeditada por Stallone, com novas cenas e diálogos adicionais, Rocky se culpa por essencialmente deixar Apollo morrer.

Stallone restaurou as filmagens da cena na qual Adrian Balboa (Talia Shire) diz que as justificativas de Apollo para enfrentar Ivan Drago estão erradas.

Adrian, que sempre fala a verdade, lembra ao marido que Apollo provavelmente desistiria da luta sem seu apoio. Ou seja, a cena dá a entender que Rocky sabia que Creed estava em perigo, mas que mesmo assim, aceitou apoiar a luta contra Drago.

Obviamente, Drago é quem mata Creed, mas Rocky poderia ter impedido o falecimento do amigo se agisse antes.

Quando Apollo diz a Rocky para não interromper a luta, Sylvester Stallone também incluiu uma fala adicional na qual Balboa responde “não faça isso comigo!”.

Isso significa que Rocky sabia o que aconteceria com Apollo, mas mesmo assim, decidiu apoiar a decisão do amigo.

Stallone também expande a cena do funeral de Apollo, na qual Duke (Tony Burton) faz um emocionante discurso no qual afirma que Creed “morreu como um guerreiro”.

Rocky também se despede do amigo e reconhece Apollo como a razão para a maior mudança de sua vida. O personagem claramente se culpa pela morte de Creed, à mesma medida que aumenta seu ódio por Drago.

A versão do diretor de Rocky IV modifica o discurso de Rocky após a vitória contra Drago. O personagem afirma que Apollo estava errado ao dizer que “as pessoas não mudam”, e finalmente entende que “se você não muda, você morre”.

Com a mudança de foco do filme para a amizade entre Rock e Creed, a versão de diretor de Rocky vs. Drago aprofunda o tema do filme como “todos podem mudar”.

Mas para chegar a esse ponto, Rocky precisou assumir sua responsabilidade pela morte do amigo, e utilizar seu luto na batalha contra Drago.

Publicidade