Publicidade

Representatividade

Vingança e Castigo: Personagem LGBTQIA+ é baseada na vida real

Tudo sobre a inspiração histórica de Cuffee no filme da Netflix

Publicado por Alexandre Guglielmelli

08/11/2021 19:30

Com um excelente elenco, trama criativa e uma direção sólida de Jeymes Samuel, Vingança e Castigo está fazendo muito sucesso na Netflix. O longa subverte alguns dos maiores clichês dos faroestes ao trazer protagonistas afro-americanos baseados em figuras da vida real. Uma delas é Cuffee, uma personagem LGBTQA+ que também é inspirada em uma interessante mulher do Velho Oeste Americano. Veja abaixo tudo sobre as origens reais da personagem.

Na trama de Vingança e Castigo, Cuffee se caracteriza com um visual tradicionalmente masculino e andrógino, e o filme também indica que a personagem vive um relacionamento romântico com Stagecoach Mary.

Quando Nat Love pergunta a Cuffee seu verdadeiro nome em Maysville, a personagem diz se chamar Cathay Williams, o que confirma sua inspiração em uma figura da vida real.

A principal dúvida envolve a identidade de gênero e orientação sexual da Cathay da vida real, que continuam envoltas em mistério.

Cathay Williams – A Cuffee de Vingança e Castigo na vida real

Na trama de Vingança e Castigo, Cuffee é baseada em Cathay Williams, uma mulher real que viveu nos Estados Unidos em meados do século XIX.

Williams nasceu ainda sob escravidão em uma fazenda do Missouri. No início da Guerra Civil, forças da União ocuparam a cidade da jovem, que passou a trabalhar como cozinheira e lavadeira para o exército.

Após a Guerra da Secessão, Cathay Williams marcou época ao se alistar no exército disfarçada de homem, utilizando o nome William Cathay.

Embora diversas mulheres tenham lutado disfarçadas nas forças militares dos Estados Unidos, Cathay Williams é considerada a primeira mulher afro-americana a se alistar.

O melhor amigo de Cathay e o primo da jovem eram os únicos soldados do regimento que conheciam sua verdadeira identidade – assim como poucas pessoas de Vingança e Castigo sabiam da origem real de Cuffee.

Após passar um bom tempo em um regimento no Novo México, Cathay Williams ficou doente e foi dispensada com honras militares em outubro de 1868.

Cathay Williams chegou a se casar com um homem, mas o relacionamento durou pouco, e terminou quando o “parceiro” roubou todo o dinheiro e vários cavalos da esposa.

O marido de Cathay foi eventualmente preso, e após conseguir seu dinheiro de volta, a icônica personagem histórica se mudou para Trinidad, no Colorado, onde finalmente admitiu a verdade sobre seu serviço militar.

Cathay também solicitou o recebimento de uma pensão por seu serviço militar, mas teve o pedido negado – mesmo com o precedente de muitas mulheres brancas terem garantido os pagamentos anteriormente.

Em Vingança e Castigo, a identidade de gênero de Cuffee nunca é explicitada. Pronomes são evitados, e o único comentário sobre o gênero da personagem vem de Jim Beckwourth, caracterizado como retrógrado e insensível.

Embora seja possível que Cuffee apenas evite estereótipos femininos e papéis tradicionalmente relacionados ao gênero, muitas evidências permitem uma leitura queer da personagem.

Vingança e Castigo continua disponível no catálogo brasileiro da Netflix.

Publicidade