Mais do que você gosta.

Publicidade

De arrepiar

O ótimo filme de terror de 2021 que foi esquecido por assinantes da Netflix

Tudo sobre a trama eletrizante e assustadora de Céu Vermelho-Sangue

Publicado por Alexandre Guglielmelli

29/12/2021 20:00

2021 foi um ano de grandes lançamentos para os fãs de terror. Mas como um enorme número de produções chegou ao catálogo de plataformas como a Netflix, diversos projetos interessantes podem ter passado despercebidos pelos assinantes. Um bom exemplo é Céu Vermelho-Sangue, o único filme do streaming a entrar em uma lista de melhores do ano no site Looper.

Entre os maiores lançamentos de terror em 2021 destacam-se o épico Army of the Dead: Invasão de Las Vegas, produzido por Zack Snyder; o excêntrico filme Noite Passada em Soho, de Edgar Wright e o aguardado Um Lugar Silencioso 2, comandado por John Krasinski.

Continua depois da publicidade

O ano contou também a excelente continuação de Candyman, pela diretora Nia DaCosta e a trilogia Rua do Medo, que surpreendeu fãs com sua criativa trama na Netflix.

Mas como já citamos, diversos filmes acabaram esquecidos por fãs do gênero, e um deles é Céu Vermelho-Sangue. Veja abaixo tudo que você precisa saber sobre o longa.

Conheça Céu Vermelho-Sangue na Netflix

Produzido por Peter Thorwarth, Céu Vermelho-Sangue foi uma grata surpresa para os fãs de terror, especialmente os entusiastas por histórias de vampiros.

Na produção alemã, uma mãe solteira e seu filho pequeno estão prestes a embarcar em um voo transatlântico da Europa aos Estados Unidos.

Nadja, a protagonista do longa, parece sofrer de leucemia, e decide viajar à América em busca de um inovador tratamento criado por um médico de Nova York.

Porém, o avião de Nadja acaba sequestrado por um grupo de homens misteriosos, aparentemente terroristas em busca de um alvo fácil.

Enquanto tenta proteger o filho Elias, a protagonista acaba levando um tiro de um dos sequestradores.

É aí que o filme revela que Nadja não tem leucemia e não pode morrer com um simples tiro – já que se transforma lentamente em uma vampira.

Assim que a premissa verdadeira é introduzida, Céu Vermelho-Sangue dá uma boa acelerada em sua trama, e se recusa a diminuir a tensão até o último minuto.

Ou seja: Céu Vermelho-Sangue tem o potencial para satisfazer espectadores que curtem histórias divertidas e cheias de ação, contanto que estejam dispostos a suspender a descrença por toda a duração do longa.

Infelizmente, o segundo ato do filme é cheio de reviravoltas desnecessárias e fracas decisões narrativas, o que acaba prejudicando sua qualidade total.

Mesmo com esses defeitos, Céu Vermelho-Sangue pode ser considerado uma das melhores surpresas do ano – especialmente para fãs de terror.

Céu Vermelho-Sangue é protagonizado pela excelente atriz alemã Peri Baumeister, famosa por performances em séries como The Last Kingdom e Skylines.

O elenco de Céu Vermelho-Sangue conta também com Carl Anton Koch, Kais Setti, Naden Ben-Abdallah, David Hürten, Kai Ivo Baulitz e Roland Moller, além de participações especiais de Dominic Purcell (Prison Break) e Graham McTavish (The Witcher).

Céu Vermelho-Sangue está disponível na Netflix; veja abaixo o trailer.

Publicidade