Mais do que você gosta.

Publicidade

Problemas

Piratas do Caribe: Processo envolvendo Jack Sparrow volta a assombrar a Disney

Ação parecia decidida para o estúdio, mas nova decisão na justiça trouxe mudança sobre polêmica com personagem de Johnny Depp

Publicado por Bruno Tomé

23/12/2021 08:47

A Disney volta a ter problemas com um processo contra a franquia Piratas do Caribe. O estúdio é acusado de ter plagiado o filme e o personagem Jack Sparrow, que ficou conhecido com a interpretação de Johnny Depp.

A dupla A. Lee Alfred II e Ezequiel Martinez Jr. processou a Disney em 2017 usando um roteiro de 2000 como prova do plágio. Piratas do Caribe teria o primeiro filme lançado em 2003.

Continua depois da publicidade

Nesse roteiro, a dupla aponta que há um personagem parecido com Jack Sparrow e pontos como o pirata Davy Jones ser alguém mais engraçado.

Por um momento, em 2019, o juiz Consuelo B. Marshall descartou a ação. Para ele, as duas histórias eram apenas contos de piratas.

Mas, depois, em 2020, uma apelação surgiu no Nono Circuito de Apelação de Cortes. Esse tribunal teve uma decisão diferente do primeiro juiz e apontou que “existiam semelhanças para o caso continuar”.

O caso que volta a assombrar a Disney foi revelado agora novamente pelo The Hollywood Reporter. Uma das dificuldades é que os trabalhos originais são de 20 anos atrás.

Agora, a justiça deve determinar se houve ou não plágio por parte do estúdio em relação a Piratas do Caribe e ao pirata Jack Sparrow. A Disney se defende afirmando que os escritores não são familiarizados com o gênero de piratas e que uma análise legal foi usada para validar algumas similaridades, que não seriam substanciais na história.

Ator diz que não existe Piratas do Caribe sem Johnny Depp

Em outra polêmica da franquia, Kevin McNally, ator de Piratas do Caribe, voltou a defender Johnny Depp, o Jack Sparrow. Para o artista, não existe mais filmes da franquia sem o astro.

A Disney prepara novos filmes de Piratas do Caribe. Inicialmente, eles não contariam com Jack Sparrow por conta da disputa legal de Johnny Depp e a ex Amber Heard, em que os dois se acusam de violência doméstica.

Para McNally, que já defendeu o astro antes, Johnny Depp tem que voltar ao papel em novos filmes.

“Definitivamente. Eu nunca vi nada sobre algum lado sombrio de Johnny Depp. Eu vi um grande humanitário e um belo ser humano. Eu não vejo nenhum impedimento para ele voltar a ser Jack Sparrow”, destacou o ator ao Express.

McNally afirmou ainda que aceitaria voltar para franquia em papel diferente – ele foi o Gibbs dos filmes de Piratas do Caribe. Mas, acredita que nada será o mesmo sem Johnny Depp.

“Eu acho que há um pensamento geral de que sem Jack não existe Piratas do Caribe. E há muita verdade nisso. Mas, agora há questões sobre ter novos filmes de Piratas do Caribe e por que não ter Jack de volta, ou ele em outro papel”, explicou o ator.

O Gibbs da franquia da Disney acredita que, no mínimo, o nome de Jack Sparrow deve ser mantido vivo. Apenas assim o ator pensa que Piratas do Caribe fará justiça ao seu legado.

Um sexto filme de Piratas do Caribe segue em desenvolvimento. Os outros filmes estão no Disney+.

Clique aqui para assinar o Disney+ e assistir Piratas do Caribe.

Publicidade