Mais do que você gosta.

Publicidade

Inusitado

Fãs processam filme por causa de Ana de Armas

O caso acontece nos Estados Unidos

Publicado por Victor Carvalho

21/01/2022 22:07

Um processo muito inusitado nos Estados Unidos envolve Ana de Armas. Ele foi levantado por dois fãs da atriz.

De acordo com a Variety, dois fãs da estrela de Hollywood estão processando a equipe do longa-metragem Yesterday por causa da ausência de Ana de Armas na trama. Acontece que a atriz apareceu no trailer, mas as suas cenas acabaram sendo cortadas da produção.

Continua depois da publicidade

Os fãs alugaram o longa-metragem digitalmente pensando que veriam Ana de Armas nele, mas a atriz não aparece em nenhum momento. O aluguel custou cerca de US$ 3,99.

O processo acusa a equipe de Yesterday, assim como a Universal, que distribuiu o longa nos Estados Unidos, de marketing enganoso. Os fãs querem pelo menos US$ 5 milhões em nome de todos os consumidores que podem ter sido enganados pelo trailer.

Processo contra Yesterday por causa de Ana de Armas

Esse processo se parece com outro que aconteceu há alguns anos. Em 2011, uma pessoa processou a equipe de Drive alegando que o trailer era “enganoso”.

Acontece que o trailer dava a entender que Drive seria um “longa de ação em alta velocidade”. Mas na verdade, trata-se de um drama interpessoal de ritmo lento.

Na época, esse processo não deu em nada. Um tribunal chegou à conclusão de que o trailer não era realmente enganoso, já que não apresentava cenas inconsistentes com o conteúdo do longa.

Durante o período de lançamento de Yesterday, um roteirista explicou que Ana de Armas acabou sendo cortada porque o público das exibições teste não havia gostado muito de sua personagem na história. Ele, no entanto, elogiou a atuação da atriz, dizendo que foi “traumático” cortar as suas cenas.

Ainda assim, Ana de Armas continuou sendo apresentada no trailer. Resta saber no que resultará esse processo.

No Brasil, Yesterday está no catálogo da Netflix.

Publicidade