Mais do que você gosta.

Publicidade

Aventura cósmica

Futuro dos Guardiões da Galáxia compartilha problema com Vingadores

Filme com Chris Pratt pode representar grande desafio para a Marvel

Publicado por Alexandre Guglielmelli

05/02/2022 11:00

Guardiões da Galáxia 3 é um dos lançamentos mais aguardados do futuro do MCU. No entanto, a estreia do filme pode trazer um grande problema para a Marvel – maior que o do ainda não confirmado Vingadores 5. O site Screen Rant explicou tudo que os fãs precisam saber sobre essa polêmica; veja abaixo.

Após Vingadores: Ultimato, o MCU começou um importante processo de transição, marcado pela morte, aposentadoria ou despedida de alguns dos personagens mais importantes – como o Homem de Ferro de Robert Downey Jr., a Viúva Negra de Scarlett Johansson e o Capitão América de Chris Evans.

Continua depois da publicidade

Durante a Saga do Infinito, o MCU fez um investimento arriscado em Guardiões da Galáxia. Dirigido por James Gunn, o filme de 2014 introduziu uma equipe inédita de heróis, que nunca havia aparecido em qualquer outro projeto da franquia.

O investimento deu certo, e a equipe liderada por Peter Quill, o personagem de Chris Pratt, se tornou uma das mais queridas do MCU. Mas em Guardiões da Galáxia 3, o time cósmico pode enfrentar um enorme problema.

Os problemas de Guardiões da Galáxia no futuro do MCU

Como foi confirmado por James Gunn, Guardiões da Galáxia 3 trará modificações importantes para a equipe cósmica da Marvel.

Detalhes sobre o enredo ainda não foram divulgados, mas o cineasta deu a entender que mais de um personagem importante deve morrer na continuação.

Enquanto isso, Dave Bautista anunciou também que Guardiões da Galáxia 3 será seu último projeto como Drax, o Destruidor.

De acordo com o Screen Rant, essas mudanças representam um grande desafio para a Marvel, particularmente na continuidade temporal dos Guardiões da Galáxia.

Segundo a publicação, o principal problema da Marvel em Guardiões da Galáxia 3 será “substituir” os personagens da equipe, assim como tem acontecido com os Vingadores nas séries do Disney+.

“Os membros dos Guardiões compartilham uma ligação bem mais profunda que a dos Vingadores, e seus integrantes não podem ser substituídos”, afirma o site.

Além disso, como os Guardiões são heróis cósmicos, seria difícil introduzir novos personagens sem criar projetos específicos para cada um deles.

Como a maioria das histórias do MCU são ambientadas na Terra, a Marvel pode separar facilmente os heróis novatos dos Vingadores, e da mesma forma, uní-los em eventos como Guerra Infinita e Ultimato.

“Com Guardiões da Galáxia, o estúdio não tem essa possibilidade, o que torna o futuro da equipe um grande problema”, afirma a análise.

Também existe a possibilidade da Marvel encerrar a trama dos Guardiões da Galáxia após o terceiro filme. Mas ela é bastante improvável, já que a equipe é “popular demais” para ter suas histórias interrompidas subitamente.

“De qualquer forma, o maior desafio é fazer os fãs se importarem com a nova equipe da mesma maneira que se importavam com o time original”, conclui a análise do Screen Rant.

Guardiões da Galáxia 3 tem previsão de estreia para 23 de maio de 2023.

Os dois filmes dos Guardiões da Galáxia estão disponíveis no Disney+. Clique aqui para assinar a plataforma.

Publicidade