Mais do que você gosta.

Publicidade

Contém spoilers

Ataque dos Cães: A história real que inspira filme da Netflix

Diretora comenta as influências do elogiado longa com Benedict Cumberbatch

Publicado por Alexandre Guglielmelli

05/12/2021 19:00

Ataque dos Cães está fazendo muito sucesso na Netflix, graças à atuação impressionante de Benedict Cumberbatch e a direção competente de Jane Campion. O filme tem tudo para ser indicado às principais categorias do Oscar, e já se destaca no Top 10 internacional da plataforma. O que muitos fãs não sabem é que a surpreendente trama do longa tem influências de uma história real.

O longa Ataque dos Cães – The Power of the Dog em sua versão original – é um drama western dirigido e roteirizado pela cineasta neozelandesa Jane Campion (O Piano). A trama é baseada no livro homônimo, lançado em 1967 por Thomas Savage.

Continua depois da publicidade

“Um fazendeiro durão trava uma guerra de ameaças contra a nova esposa do irmão e seu filho adolescente ― até que antigos segredos vêm à tona”, afirma a sinopse oficial do longa, divulgada pela Netflix.

No final de Ataque dos Cães, o protagonista de Benedict Cumberbatch morre envenenado por antraz, em um esquema complicado envolvendo Peter, o filho da personagem de Kirsten Dunst.

A história real de Ataque dos Cães

Quando Ataque dos Cães chega ao fim, é difícil não se perguntar se os eventos do filme são baseados em uma história real – especialmente a presença do antraz na conclusão.

Grande parte do filme de Jane Campion é inspirada nas experiências pessoais do famoso escritor americano Thomas Savage.

Assim como Peter, o personagem de Kodi Smit-McPhee, Savage cresceu em um rancho do estado americano de Montana. O escritor também era gay, mas passou a vida inteira no armário.

Suas experiências são contadas no livro que inspira a trama de Ataque dos Cães. A obra foi lançada originalmente em 1967.

“Ele cresceu em um rancho, de maneira semelhante ao Peter – sua mãe se casou com Ed Brenner, que na verdade, é a inspiração para o personagem Phil Burbank”, explicou Jane Campion em uma entrevista ao Festival de Cinema de Nova York.

Thomas Savage era gay, mas devido à intolerância da época, nunca chegou a sair do armário. Na verdade, ele se casou com uma mulher.

“Eu imagino que, de alguma forma, ele enxergou sua própria história no Peter”, comentou Campion.

Já sobre a reviravolta da conclusão de Ataque dos Cães, que envolve um envenenamento por antraz, a diretora confirmou o caráter fictício.

“Acho que ele (Savage), realmente tinha um tio agressivo que morreu de envenenamento por antraz, mas não pelo envolvimento dele e sim por uma farpa vinda de um poste”, explicou Campion.

Ataque dos Cães já está disponível no catálogo brasileiro da Netflix.

Publicidade