Mais do que você gosta.

Publicidade

Chris Columbus revela por que não dirigiu Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban

Publicado por Victor Carvalho

06/12/2018 13:51

Em um painel especial na CCXP 2018, o cineasta Chris Columbus contou por que não retornou para dirigir Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban.

Columbus havia sido o responsável pela direção dos dois primeiros capítulos da franquia.

Continua depois da publicidade

“O primeiro filme foi um grande desafio. Ficamos 160 dias no estúdio e, em A Câmara Secreta, ficamos mais 160 dias. Queria ter feito todos os filmes, mas o cansaço era muito grande e minha família queria retornar para os Estados Unidos, então contratamos Alfonso Cuarón para fazer o terceiro e continuei como produtor”, disse.

Harry Potter e a Criança Amaldiçoada | Peça bate recorde de bilheteria na Broadway

Em Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban, o terceiro ano de ensino na Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts se aproxima. Porém um grande perigo ronda a escola: o assassino Sirius Black (Gary Oldman) fugiu da prisão de Azkaban, considerada até então como à prova de fugas.

Para proteger a escola são enviados os Dementadores, estranhos seres que sugam a energia vital de quem se aproxima deles, que tanto podem defender a escola como piorar ainda mais a situação.

Aclamado pela crítica, Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban foi dirigido por Alfonso Cuarón e é tido como o favorito de muitos fãs da franquia.

Publicidade