Mais do que você gosta.

Publicidade

“Creed é o fim da jornada de Rocky Balboa”, diz Sylvester Stallone

Publicado por Redação

10/02/2016 10:47

Durante sua passagem pelo Festival Internacional de Santa Barbara para receber um prêmio por Creed: Nascido Para Lutar, o indicado ao Oscar Sylvester Stallone comentou que o filme marcou o início do fim da jornada de seu Rocky Balboa.

“Eu tenho sentimentos mistos quanto a isso, sério. Eu não sei o quanto mais adiante podemos ir com Rocky”, admitiu, sugerindo que não pretende interpretar o lutador por muito mais tempo.

Continua depois da publicidade

Stallone também falou sobre seu legado no cinema e o de seu personagem:

“Eu aprendi que quando você vai envelhecendo precisa agradecer às coisas que deixou para trás. Felizmente, nós deixamos coisas boas”.

Rocky | Sylvester Stallone divulga fotos raras do primeiro filme

Sylvester Stallone deve retornar à pele de Rocky Balboa mais uma vez na continuação de Creed: Nascido Para Lutar, que tem lançamento planejado para novembro de 2017.

A sequência pode reunir Rocky Balboa e Apollo Creedsaiba mais.

Creed 2 pode ter “vilão real”, diz ator

O primeiro filme gira em torno de Adonis Johnson (Michael B. Jordan), jovem lutador que nunca conheceu seu pai famoso, o campeão mundial dos pesos pesados Apollo Creed, que morreu antes de ele nascer. Ainda assim, não há como negar que o boxe está em seu sangue, então Adonis parte para a Filadélfia, local da lendária luta de Apollo Creed com um adversário durão chamado Rocky Balboa.

Crítica | Creed: Nascido Para Lutar

Uma vez na Cidade do Amor Fraternal, Adonis localiza Rocky e pede para ele ser seu treinador. Apesar de insistir que está fora do universo da luta para sempre, Rocky reconhece em Adonis a força e determinação que viu em Apollo – seu rival feroz que se tornou seu amigo mais próximo. Rocky então concorda em treinar o jovem lutador, mesmo com o ex-campeão lutando contra um adversário mais mortal do que qualquer outro que já enfrentou no ringue.

Publicidade